Pulse Audace vs. Nivus Comfortline

Pulse Audace vs Nivus Comfortline: duelo do "meio"

Comparativo da versão intermediária do modelo da Fiat com a configuração de entrada do da Volks mostra disputa acirrada


  1. Home
  2. Comparativos
  3. Pulse Audace vs Nivus Comfortline: duelo do "meio"
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

Você viu aqui no WM1 um comparativo entre o recém-chegado Fiat Pulse na versão Impetus, a mais cara e completa de sua linha, contra o todo-poderoso Volkswagen Nivus Highline, um dos carros mais queridos da marca alemã no Brasil atualmente. Ambos têm valores próximos e competem na parte de cima da tabela. Mas e a disputa do "meio" entre Pulse Audace e a versão equivalente do Nivus?

Nesse cenário, seu rival direto é o Nivus Comfortline, que no caso do automóvel da Volks é justamente sua versão de entrada. É com essa configuração que a versão Audace do modelo da Stellantis bate de frente em preço e nível de equipamentos - o Fiat sai por R$ 107.990, enquanto o carro da Volks pede iniciais R$ 104.060. Pois acompanhe agora, aqui no WM1, o duelo entre Pulse Audace e Nivus Comfortline.

Pulse Audace e Nivus Comfortline: 1.0 turbo A/T

A disputa começa na motorização, e nesse sentido os modelos se equivalem. Assim como nas versões mais caras, Pulse Audace e Nivus Comfortline utilizam propulsores 1.0 turboflex e câmbio automático. O Fiat é movido pelo motor Firefly turbo de três cilindros com injeção direta, capaz de entregar 130 cv e 20,4 kgf.m com etanol (125 cv com gasolina), e câmbio do tipo CVT que simula sete marchas.

Já o Nivus tem motor turbo de três cilindros que também é equipado com injeção direta, capaz de render 128 cv e os mesmos 20,4 kgf.m de torque que o carro da Stellantis com os dois combustíveis (embora no Volks sejam somente 115 cv com gasolina). Já a caixa de transmissão automática é mais tradicional, da Aisin, com conversor de torque e seis velocidades.

Até aqui, portanto, conjuntos muito parecidos e nivelados. Agora vamos aos números de desempenho e consumo.

 Pulse Audace vs. Nivus Comfortline: o duelo entre a versão intermediária do Fiat e a de entrada do VW
Pulse Audace vs. Nivus Comfortline
Legenda: Pulse Audace vs. Nivus Comfortline: o duelo entre a versão intermediária do Fiat e a de entrada do VW
Crédito: WM1
toggle button

O Pulse, segundo dados oficiais da Fiat, acelera de 0 a 100 km/h em 9,4 segundos e pode chegar a 189 km/h. Os números de consumo são de 8,5 km/l na cidade e 10,2 km/l na estrada com etanol; e de 12 km/l e 14,6 km/l, respectivamente, com gasolina. Com esses valores, pode percorrer até 564 km na cidade e 686 km na estrada com o combustível fóssil.

O Nivus, por sua vez, arranca de 0 a 100 km/h em 10 segundos e sua velocidade máxima também é de 189 km/h. Em termos de consumo, pode fazer 7,7 km/l na cidade e 9,4 km/l na estrada com etanol e 10,7 km/l e 13,2 km/l, respectivamente, com gasolina. Ao fazer as contas, o SUV da Volkswagen consegue atravessar 556 km na cidade e 686 km na estrada. Mas isso graças ao tanque maior, de 52 litros (o do Pulse tem 47 l).

Em suma, neste comparativo das versões Audace e Comfortline, o Pulse consegue ser mais rápido e econômico que o Nivus, ainda que o carro da Volks compense o atraso com o tanque maior, o que lhe proporciona praticamente a mesma autonomia.

Dimensões e capacidades

Feito sobre uma nova plataforma baseada na do Argo, chamada de MLA, o Pulse passou por diversas melhorias para aumentar a rigidez torcional e a resistência em impactos. Em termos dimensionais, tem 4,10 m de comprimento, 1,58 m de altura, 1,78 m de largura e 2,53 m de entre-eixos. O porta-malas tem 370 litros.

A Fiat também afirmou que para atingir a altura livre do solo de 22,4 cm, o Pulse recebeu um conjunto de suspensões exclusivo (do tipo McPherson na dianteira e por eixo de torção na traseira).

O Nivus também é um suvinho montado a partir de um hatch - em seu caso, o Polo. Construído sobre a plataforma MQB A0, o Volkswagen é ligeiramente maior que o Pulse: são 4,26 m de comprimento (16 cm a mais), 1,49 m de altura (9 cm a menos), 1,75 m de largura (3 cm mais estreiro) e 2,56 m de entre-eixos (3 cm a mais). O porta-malas é maior e tem 415 litros de capacidade.

A altura livre do solo do Nivus de 16,6 cm, porém, é consideravelmente menor, o que caracteriza uma proposta mais parecida com a de um hatch que a de um SUV compacto. O conjunto de suspensões segue o mesmo esquema do Pulse: dianteira do tipo McPherson e traseira com eixo de torção.

Vale destacar que os freios traseiros do Pulse Audace são a tambor, enquanto os do Nivus Comfortline têm discos sólidos. Mais uma vez conjuntos e números muito próximos, embora em termos de segurança o Nivus possa se sobressair por conta desse detalhe dos freios.

Equipamentos

O que pode desnivelar o duelo é o nível de equipamentos entre os dois, mas se você não liga para spoilers já vamos adiantar: os modelos também se equiparam nesse aspecto.

Ambos vêm de série com airbags frontais e laterais; controles de estabilidade e tração; assistente de partida em rampa; direção elétrica; ar-condicionado automático digital (o Nivus tem saídas para o banco traseiro); faróis e lanternas em LED com acendimento automático; sensor de estacionamento traseiro; câmera de ré e rodas de liga leve de 16 polegadas.

O Pulse Audace tem chave presencial, mas o Nivus não oferece esse item. Já os bancos de couro são opcionais para o carrinho da Stellantis e não fazem parte do pacote de equipamentos do modelo da VW - nesse caso, o cliente precisa comprá-los como acessório na concessionária.

Em contrapartida, o Nivus traz de série volante com ajuste de altura e profundidade, enquanto o Pulse Audace só oferece a regulagem de altura (para ter os dois é preciso "subir" para o Pulse Impetus). Carregador de celular por indução, outro item bastante desejado atualmente, é de série no Pulse Audace e opcional no Nivus Comfortline.

Fiat Pulse Audace foi lançado por R$ 107.990, mas tendência é de que preço aumente em 2022
Crédito: Divulgação
toggle button

O Pulse oferece como opção conexão com uma central, capaz de dar ao cliente assistência na recuperação veicular e chamadas em casos de emergência; os bancos de couro mencionados; GPS; comandos e informações ao motorista por meio de um app e roteador wi-fi. Apesar disso, no Audace não há itens como os equipamentos de condução semiautônoma que o carro da Volks oferece.

Já o Nivus Comfortline entrega o controle de cruzeiro adaptativo, ausente no Pulse, mas somente como opcional - além dele, o SUV da VW vende como opção à parte o sistema de frenagem de emergência (de série no Pulse Audace), o alerta de colisão frontal, as borboletas para troca de marcha e um HD interno para salvamento de dados.

Volkswagen Nivus Comfortline, R$ 104.060, chegou a ser vendido com tampão no lugar do rádio
Crédito: Ricardo Rollo/WM1
toggle button

Conclusão

Resumo da ópera: dois ótimos carros, que são bem completinhos (ainda que não sejam das versões mais recheadas) e extremamente nivelados em termos de segurança, dimensões e motorização. A escolha fica para a preferência do cliente, seja pelo design, pela rede de lojas ou pelas ofertas que cada comprador conseguir em seu atendimento.

Comentários