De Volta Para O Futuro: 5 curiosidades sobre o DeLorean

Carro foi protagonista da trilogia e tornou-se um ícone da indústria automobilística
  1. Home
  2. Cultura WM1
  3. De Volta Para O Futuro: 5 curiosidades sobre o DeLorean
Redação WM1
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon


É possível dizer que a trilogia De Volta Para O Futuro teve três protagonistas. Além de Micheal J. Fox (Michael McFly) e Christopher Lloyd (Dr. Emmett Brown), quem teve atuação de destaque foi o DeLorean DMC-12.

O modelo foi a materialização de um sonho do designer John Zachary DeLorean. Funcionário da General Motors e idealizador do Pontiac GTO, ele decidiu fundar sua própria marca, a DMC e produziu o DeLorean durante um curto período. Entre 1981 e 1983, saíram das linhas de produção cerca de 8.000 unidades do automóvel que foi um sucesso de vendas na época de lançamento, mas que afundou junto à empresa pouco depois.

Confira agora cinco curiosidades sobre o modelo que dominou o imaginário de muitos apaixonados por carros na década de 1980:

1 - TIME DE PESO

John DeLorean é conhecido como o pai dos muscle cars. Falecido em 2005, o empresário tinha tinha status de rockstar na década de 1970: esbanjava dinheiro, era casado com uma top model (Cristina Ferrare) e rodeado por um círculo de amizade do showbiz. Aliás, foram amigos famosos que investiram na concepção do DMC-12.

O apresentador e comediante Johnny Carson, além do músico Sammy Davis Jr, colocaram grana no projeto desenhado pelo icônico designer italiano Giorgetto Giugiaro.

Quem também participou do projeto foi o fundador da Lotus, Collin Chapman, o que fez com que o DeLorean fosse fabricado com chassi da marca britânica.

2 - IRLANDA DO NORTE?

Embora tivesse sido idealizado para o mercado norte-americano, o DeLorean foi fabricado em Belfast, na Irlanda do Norte. A ideia era reduzir custos de produção do modelo que contava com componentes caros na época como a fibra de vidro.

Aliás, a maior parte do investimento na produção da DMC veio do governo do Reino Unido, cerca de US$ 150 milhões, o que hoje seria equivalente a R$ 590 milhões.

3 - MOTOR FRANCÊS

O motor é considerado um dos pontos fracos do DeLorean. Ele foi projetado por uma parceria entre Renault, Peugeot e mais tarde pela Volvo.

Fabricado em Douvrin, na França, o propulsor 2.8 de alumínio V6 rendia 132 cv. O nível considerado inssosso para o modelo, tanto que uma unidade do DeLorean teve o trem de força modificado para suportar o motor de um Porsche em cenas do filme em que em que mais velocidade era precisa.

4 - MÁQUINA DO TEMPO

O papel de protagonista do DeLorean não foi assumido de cara. Na verdade, a ideia do diretor Robert Zemeckis era de que a máquina do futuro fosse uma geladeira. O diretor só mudou de ideia porque imaginou que crianças poderiam se machucar tentando repetir as experiências do filme.

Os outros protagonistas também não foram as primeiras opções no filme que teve produção executiva de Steven Spilberg. Marty McFly seria encenado por Eric Soltz, enquanto Doc Emmett Brown estaria na pele de John Lithgow.

5 - O SONHO NÃO TERMINOU

A DeLorean Motor Company decretou falência em 1983. No entanto, o mecânico Stephen Wynne criou uma nova DMC em 1997. O britânico comprou diversas peças faturadas na década anterior e agora consegue reformar unidades do DMC-12 em mau estado, além de vender um kit que inclui novo escapamento, conversor catalítico e silenciadores.

A nova DMC opera no Texas, Estados Unidos.

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors