Halloween: 5 versões com preços de assustar

Modelos mostram até R$ 100 mil de diferença perante os rivais ou custos de opcionais altos

  1. Home
  2. Cultura WM1
  3. Halloween: 5 versões com preços de assustar
Renan Rodrigues
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

Dia 31 de outubro é conhecido como o Halloween, ou Dia das Bruxas no bom português. Mas o que nós, jornalistas assustadores do WM1, temos com isso? Fora o fato de parecermos zumbis após tanto café para entregar conteúdo com qualidade para os leitores, nada... Por isso, pensamos em uma pauta um pouco diferente.

Quais as versões de carros que mais assustam na hora da compra? Aquele que você pensa: com esse dinheiro eu ando em coisa muito melhor ou economizo muito para andar em um dos concorrentes. Separamos cinco casos em ordem de preço. Confira abaixo:

Volkswagen Virtus - R$ 93.255

 Volkswagen Virtus quase encosta no irmão maior Jetta
Legenda: Volkswagen Virtus quase encosta no irmão maior Jetta

Sem dúvidas há descontos para o Virtusem concessionárias, ainda mais depois do Chevrolet Onix Plus Premier ser revelado com praticamente a mesma quantidade de equipamentos e custando R$ 20 mil a menos. No entanto, temos que trabalhar com tabela.

O absurdo é tamanho que, com R$ 6 mil a mais dá para andar de Volkswagen Jetta 0 km, que entrega mais espaço e motorização consideravelmente melhor. O próprio Virtus tem versões com esse motor e câmbio na casa dos R$ 75 mil, diferença bem considerável.

No pacote de opcionais sobre a versão Highline 200TSI AT você leva sensor de estacionamento dianteiro, detector de fadiga, câmera de ré, painel digital de 12 polegadas, rodas 17, som Beats e bancos de couro como destaques.

Fiat Doblò - R$ 100.490

 É isso mesmo: a Fiat cobra R$ 100 mil no Doblò mais completo
Legenda: É isso mesmo: a Fiat cobra R$ 100 mil no Doblò mais completo

É fato que estamos com ausência de veículos capazes de levar sete pessoas por um preço acessível, mas a Fiat elevou o Doblò a outro patamar. Os R$ 100 mil pedidos na configuração Essence com todos os opcionais são praticamente R$ 10 mil a mais que a versão topo de linha da Chevrolet Spin.

Sem contar que o preço base, de R$ 93.990 já é salgado. Sequer inclui rádio com Bluetooth e USB, que é vendido em um pacote único por R$ 4 mil. Se formos listar as opções melhores entre os usados, passaríamos horas aqui.

Jeep Compass - R$ 195.900

 Em sua versão mais cara, Jeep Compass esbarra em modelos premium
Legenda: Em sua versão mais cara, Jeep Compass esbarra em modelos premium

É bem verdade que estamos falando de um veículo com sistemas de condução semiautônoma, teto solar panorâmico e o bom motor a diesel com tração 4x4. Porém, desembolsar quase R$ 200 mil no Jeep Compass na série S topo de linha é um tanto assustador.

Para se ter uma ideia, o Audi Q5 está sendo ofertado por R$ 199 mil, enquanto a BMW vende o sedã Série 3 por apenas R$ 50 a mais que o Compass. Isso sem falar o quanto dá para economizar andando em rivais como Peugeot 3008, Chevrolet Equinox (que teve a tabela reduzida recentemente) e até Volkswagen Tiguan, que iguala o preço na versão topo de linha, mas entrega mais desempenho.

Toyota Hilux - R$ 217.340

 Mesmo menos potente, Hilux esportiva custa R$ 12 mil a mais que a Amarok V6
Legenda: Mesmo menos potente, Hilux esportiva custa R$ 12 mil a mais que a Amarok V6

Quem diria que as picapes médias cruzariam a linha dos R$ 200 mil. Pois bem, a Toyota entrega uma versão "esportiva" GR-S da Hilux por R$ 217.340. São R$ 12 mil a mais que a Volkswagen Amarok V6 e quase R$ 20 mil em relação a Chevrolet S10 High Country.

O detalhe é que o desempenho é inferior se comparada com as duas rivais. Outro fato curioso: se paga quase R$ 3 mil pela pintura branca com detalhes em preto e vermelho da configiração.

Hyundai Azera - R$ 269.900

 Hyundai Azera é R$ 100 mil mais caro que Passat
Legenda: Hyundai Azera é R$ 100 mil mais caro que Passat

O maior absurdo do Azera custar R$ 270 mil é que a Hyundai já está prestes a mudar o modelo na Coreia do Sul. Isso somado ao fato de custar R$ 100 mil a mais que um Volkswagen Passat ou R$ 65 mil acima da dupla Honda Accord e Toyota Camry.

Com essa grana, ainda é possível andar em carros menores, mais refinados e mais tecnológicos, como é o caso do BMW Série 3 topo de linha que custa R$ 269.950. O preço sugerido do Azera é só travessura, sem nenhuma gostosura.

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors