Lamborghini mais forte já feito é iate de 4.000 cv

Marca italiana faz parceria com a empresa de barcos Tecnomar para apresentar lancha inspirada no superesportivo Sián

  1. Home
  2. Cultura WM1
  3. Lamborghini mais forte já feito é iate de 4.000 cv
André Deliberato
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

O Lamborghini mais forte já feito não vai desfilar por ruas, mas sim em mares, rios e represas. Chamada de Tecnomar for Lamborghini 63, esta lancha das fotos foi desenvolvida após uma parceria entre a marca de superesportivos italianos e a Tecnomar, outra empresa daquela país, especializada em produzir e desenvolver iates de luxo.

Inspirado nas linhas agressivas de design do superesportivo Sián FKP 37, o primeiro carro híbrido da história da empresa, o iate vai custar US$ 3 milhões (quase R$ 16 milhões) e terá 63 unidades. Este número, a propósito, tem vários significados: 1963 foi o ano de fundação da Lamborghini e também representa o comprimento do iate, que tem 63 pés (ou 19,2 metros).

Tecnomar For Lamborghini 63
icon photo
Legenda: Lamborghini mais forte já feito é o iate da Tecnomar: são mais de 4.000 cv
Crédito: Divulgação

Lamborghini mais forte já feito é um barco

O motor, apesar de toda a parceria da Tecnomar com a Lamborghini em termos de design e proposta, não é necessariamente fabricado pela marca italiana - embora venha da MAN, uma empresa do próprio Grupo Volkswagen, dono da Lambo. São dois propulsores V12 (12 cilindros em "V"), que formam uma espécie de W24, com 2.028 cv, cada - pouco mais de 4.000 cv no total.

Apesar da inspiração no Sián, não há nada eletrificado na propulsão do iate. Além dos já citados 19,2 metros de comprimento, o barco pesa pouco mais de 24 mil quilos... Número considerado leve frente aos concorrentes graças à aplicação de várias peças de fibra de carbono em sua composição.

Visualmente, a Tecnomar diz ter trabalhado em colaboração direta com o Centro de estilo da Lamborghini para que o iate recebesse o mesmo estilo de design dos supercarros da marca. Vamos até colocar uma foto do carro nesta reportagem para notar como o resultado foi surpreendente - com destaque para as luzes em "Y" na dianteira e para os vidros laterais hexagonais.

De acordo com as empresas parcerias, a intenção foi criar uma ligação visual entre o iate e os modelos Miura e Countach, embora, como se vê, o modelo tenha se tornado a "versão náutica" do superesportivo Sián.

Lamborghini Sián
icon photo
Legenda: Lamborghini Sián é caríssimo e híbrido, mas também o carro mais potente da história da marca
Crédito: Divulgação

Por dentro: volante de carro

Acredite, a lancha de luxo da Lamborghini tem até um cockpit inspirado nos carros da marca, com volante, em vez do tradicional leme. Além disso, as alavancas de acelerador lembram os seletores de modos de tração encontrados no console do SUV Urus. E ainda é possível ver medidores no painel com informações sobre o barco e possivelmente sobre a navegação.

Aqui achamos importante destacar que a Lamborghini já havia se aventurado no mundo náutico antes do lançamento desta lancha - nos anos 1980, quando apenas fazia motores. Esta, no entanto, foi a primeira vez que um de seus carros inspirou o design de um iate.

Painel Do Iate Da Lamborghini
icon photo
Legenda: Painel do iate da Lamborghini tem volante, comandos vistos no Urus e muita tecnologia
Crédito: Divulgação
Comentários