Novo Sandero: linha do tempo mostra como ele era

Especial de WM1 relembra como nasceu o hatch com nome "aleatório" da Renault, que acaba de passar por uma remodelação

  1. Home
  2. Cultura WM1
  3. Novo Sandero: linha do tempo mostra como ele era
André Deliberato
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

O novo Renault Sandero foi o carro que prendeu todas as atenções nesta semana, podendo ser considerado um dos lançamentos mais importantes deste mês na opinião da equipe de WM1. Mas você sabia que a palavra "Sandero" não tinha significado até se tornar o nome próprio do carro em 2007, quando a Dacia, a submarca romena de baixo custo da Renault, apresentou o carro ao mundo no Salão de Frankfurt daquele ano?

Abaixo, WM1 vai mostrar uma breve linha do tempo contando um pouco sobre a história do carro, completando o conteúdo com uma seleção de ofertas disponíveis na Webmotors.

Nascimento -- 2007

No Salão de Frankfurt de 2007 a Dacia mostrou ao mundo um compacto totalmente novo, com desenho claramente inspirado no do Clio 3 produzido na Europa. O Sandero ganhava vida feito sobre a plataforma B0 (a mesma do Clio 3) e no final daquele mesmo ano, em dezembro, o carro começava a ser vendido em nosso país. O amplo espaço interno e os bons números de consumo de combustível surpreenderam o mercado em 2008, até então dominado pelo Volkswagen Gol.

O sedã Logan, que já existia e era feito sobre a mesma base do Sandero, veio junto com o hatch entre 2007-2008. Já o Sandero Stepway surgiu no final de 2008, como grande destaque da marca no Salão do Automóvel de São Paulo daquele ano.

icon photo
Legenda: Renault Sandero surgiu ao mundo em 2007 e surpreendeu o mercado brasileiro em 2008
Crédito: Divulgação

Primeira reestilização -- 2011

A primeira mudança visual da dupla Sandero/Logan rolou em maio de 2011, quando faróis e lanternas foram atualizados, bem como grade frontal e para-choques dianteiro e traseiro. Além disso, o interior foi totalmente revisado. A linha podia contar com um motor 1.0 HiFlex ou 1.6 HiTorque, com caixa de câmbio manual de cinco marchas ou automática de quatro velocidades.

icon photo
Legenda: Renault Sandero ganhou câmbio automático de quatro marchas em 2011
Crédito: Divulgação

Segunda geração -- 2014

No final de 2012 a Dacia/Renault mostrou no Salão de Paris a segunda geração da dupla (ou do trio, considerando a versão Stepway como um modelo à parte), que só seria atualizada no Brasil dois anos depois, em julho de 2014. A nova geração recebeu diversas críticas positivas, pois mantinha o ótimo espaço interno e aprimorava o conjunto mecânico que continuava com bons números de desempenho e consumo de combutível.

icon photo
Legenda: Renault Sandero mudou de geração em 2014 e ganhou visual mais moderno
Crédito: Divulgação

Versão esportiva RS -- 2015

No final de 2015, depois de frustradas expectativas e tentativas da Renault de lançar no Brasil a versão esportiva "RS" do Mégane (que sempre fez muito sucesso na Europa por conta do sobrenome "apimentado"), a Renault decidiu lançar no Brasil uma configuração de mesmo sobrenome do Sandero, equipada com motor 2.0 de 150 cavalos e câmbio manual de seis marchas.

Nascia ali, portanto, o primeiro carro planejado e feito no Brasil capaz de carregar a insígnia RS, ao preço de R$ 58.880 -- quase o preço da versão 1.6 Zen atual, que sai por R$ 55.990. Hoje em dia o Sandero RS custa no mínimo R$ 69.690.

icon photo
Legenda: Renault Sandero RS foi alternativa da marca para atender "órfãos" do Mégane RS
Crédito: Divulgação

Reestilização da segunda geração -- 2019

Assim como aconteceu entre 2012 e 2014, demorou dois anos para que a Renault do Brasil atualiza-se e equipara-se a linha Sandero/Logan de acordo com o que havia na Europa -- no Velho Continente, portanto, a dupla reestilizada desta segunda geração existe desde 2017.

Pois nesta semana, a marca revelou a linha 2020 do hatch e do sedã, que ganhou novos desenhos, câmbio CVT (no lugar da antiga caixa automática) e reforços no quesito segurança, colocando quatro airbags de série em todas as versões dos modelos. Ah, vale dizer que o Stepway agora se chama só "Stepway", inclusive no documento, abandonando de vez o nome Sandero.

icon photo
Legenda: Renault Sandero mudou pouco na frente, mas tem muitas mudanças no visual traseiro
Crédito: Divulgação

Quer oferta?

Abaixo, WM1 fez uma seleção com cinco ofertas de Sandero/Logan/Stepway disponíveis na Webmotors.

Ofertas de Sandero/Logan/Stepway

Renault Sandero Authentique 1.0
R$ 32.799
Renault Sandero Stepway 1.6 2014
R$ 31.900
Renault Sandero Authentique 1.0 2017
R$ 32.799
Renault Sandero RS Racing Spirit 2.0 2018
R$ 52.000
Renault Logan Expression 1.6 2010
R$ 19.500
Renault Logan Expression 1.6 2015
R$ 32.900
Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors