Rolls-Royce terá que substituir Spirit of Ecstasy

Versão iluminada do tradicional símbolo não poderá ser utilizada na Europa e será trocada pela opção em prata

  1. Home
  2. Cultura WM1
  3. Rolls-Royce terá que substituir Spirit of Ecstasy
Fabio Perrotta Junior
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

Não é só com a política de emissões de poluentes que as marcas precisam se preocupar. Principalmente na Europa. Isso ficou claro com a situação em que a Rolls-Royce se encontra. A marca inglesa terá que retirar as estatuetas Spirit of Ecstasy iluminadas de circulação.

O motivo? Poluição luminosa. Apesar de charmoso e moderno, o adorno que fica na ponta do capô não está em conformidade com a nova legislação da União Europeia.

A estatueta deverá ser trocada por um modelo tradicional, feito de prata. Vendida como opcional, a versão iluminada do Espírito do Êxtase custava 3.500 libras, algo em torno de R$ 25 mil na conversão direta (15/10). Esse valor, claro, terá que ser restituído aos compradores.

Rolls Royce Ghost 377
icon photo
Legenda: Estatueta iluminada da Rolls-Royce terá que ser substituída por uma feita de prata e sem luz própria

Um dos maiores ícones da indústria automotiva, a Spirit of Ecstasy do Rolls Royce é uma estatueta feminina inclinada prestes a alçar voo, que tem lugar cativo no capô dos modelos da marca inglesa desde 1911.

Vale destacar que a "novidade" fica restrita a carros que rodam na União Europeia. Ou seja, se o seu Rolls Royce tem o Spirit of Ecstasy iluminado no Brasil, fique tranquilo. Não há a menor hipótese de você perdê-lo.

Comentários