Una Bugatti per Damiano: carro volta à vida com missão nobre

Restaurado, Tipo 22 Brescia será vendido em leilão; renda será revertida para fundação de combate à violência juvenil
  1. Home
  2. Cultura WM1
  3. Una Bugatti per Damiano: carro volta à vida com missão nobre
Gustavo Ruffo
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

- O poeta já disse que “tristeza não tem fim”, mas, se ela não tem fim, deve ser por conta da estupidez humana, essa, sim, ilimitada. Não fosse por isso Damiano Tamagni estaria hoje com seus 23 anos, perto de completar 24. Ele não chegou lá: morreu espancado em 1º de fevereiro de 2008 em uma noite de carnaval em Locarno, na Suíça. Sua morte, além de tristeza, gerou também a criação de uma fundação que leva seu nome. A Fondazione Damiano Tamagni combate a violência juvenil. Dispostos a ajudá-los, amigos dos pais de Damiano, mergulhadores, resolveram angariar fundos com uma ajuda ilustre, a de um Bugatti Tipo 22 Brescia. Ele será restaurado e leiloado em prol da fundação. Detalhe: ele estava submerso havia mais de 80 anos e foi resgatado no último dia 12.

As fotos desta reportagem foram gentilmente cedidas ao WebMotors por Giorgio Riberi a do resgate e Pasqualino Trotta a submarina, ambos envolvidos na operação “Una Bugatti per Damiano”. Anunciada em novembro de 2008, foi essa operação que se dispôs a recuperar o carro do fundo do lago Maggiore, em Ascona, na Suíça, restaurá-lo, leiloá-lo e repassar o dinheiro à fundação tocada pelos pais de Damiano.

Também tivemos a ajuda do fotógrafo japonês Yeon-Hyeon Lee, da galeria de fotos The Annex to The Green Dragon, no Picasa, para mostrar como o carro deve ficar quando sua restauração for completada. Ainda que as carrocerias tenham formatos diferentes, o modelo das fotos é um Tipo 22, como o que foi resgatado, e serve de referência para a elegância deste Bugatti.

Segundo historiadores, o Bugatti resgatado apareceu em 11 de abril de 1925, na cidade de Nancy, na França. É dessa data o primeiro registro do carro. Consta também que ele foi um de três unidades encomendadas pelo concessionário suíço da Bugatti, todos já com compradores certos. Um deles, entretanto, não pagou os impostos de importação do veículo e ele acabou indo fazer companhia aos peixes por que, não sabemos.... Por certamente mais de 80 anos.

O Tipo 22 é um derivado do Tipo 13, o primeiro Bugatti fabricado em série. Quem procurar por fotos destes veículos vai encontrar diversas carrocerias diferentes, o que não deve surpreender ninguém. Na época, as empresas de luxo vendiam apenas o chassi do carro pronto para rodar. Ele tinha motor, transmissão e suspensão. A carroceria ficava a cargo do freguês, que a encomendava a encarroçadores como Pininfarina, Castagna e por aí afora. O encarroçador do Bugatti submarino foi Emaille, possivelmente francês, mas pouco se sabe sobre ele.

Com motor de quatro cilindros, oito válvulas e 1.368 cm³, que gerava 40 cv a 4.500 rpm, o Bugatti Tipo 13 pesava apenas 450 kg, o que explica seu sucesso nas pistas. Em 1921, em Brescia, na Itália, a Bugatti venceu uma corrida de forma incontestável com esse carro: os quatro primeiros lugares eram dela. Foi daí que veio a alcunha Brescia que o Tipo 22 passou a carregar.

No que se refere ao Tipo 22 das fotos de Yeon-Hyeon Lee, ele continua original, sem restauração, com a carroceria de alumínio à mostra, e foi usado pelo coronel britânico B. Austin em 16 corridas. Antes de comprar o carro, o coronel Austin perdeu as duas pernas em combate. Das 16 corridas de que participou, ele venceu 11. Seu sucesso ajudou a mudar a legislação no Reino Unido, permitindo que pessoas portadoras de deficiência pudessem dirigir.

Agora, esperamos ter notícias da restauração desse Bugatti Tipo 22 Brescia tão logo ela se complete. Torcemos também para que ela fique impecável e renda à Fondazione Damiano Tamagni um bom dinheiro. Só lamentamos que toda essa saga tenha se iniciado de uma forma tão triste. Para quem quiser conhecer a história de Damiano, o site da fundação traz um texto sobre ele, escrito pelo pai. Para corações fortes.
_________________

Twitter
_________________

Gosta de clássicos e de esportivos?

Então veja aqui no WebMotors as melhores ofertas para esses carros míticos:

Austin

Alfa Romeo

Americar réplicas

Bentley

Bianco

Chamonix réplica

DKW-Vemag

Dodge

Ferrari

Leia também:

Risk Auto nasce homenageando Aston Martin DBR2 Le Mans

Superior Glass Works recria a Chevrolet Corvette Nomad

Ícones do estilo e da velocidade serão leiloados em setembro nos EUA

Coleção de woodies mais importante do mundo será vendida em agosto

Hurtan Grand Albaycin, inspirado no Jaguar XK 120, é moderno

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors