Calendário do IPVA 2019 começou; veja como pagar

Quitar o tributo é fácil: basta informar o Renavam do veículo no caixa do banco, posto de autoatendimento ou pela web

  1. Home
  2. Bolso
  3. Calendário do IPVA 2019 começou; veja como pagar
Redação WM1
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

Como em todos os anos, janeiro marca o início do pagamento do IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores) para veículos registrados no estado de São Paulo. Em 2019, o calendário de pagamento vai de 9 de janeiro a 22 de março para automóveis, caminhonetes, ônibus, micro-ônibus e motos, organizado, como de costume, de acordo com o final da placa.

    Os proprietários que desejarem pagar o tributo com 3% de desconto devem fazê-lo em parcela única, durante o mês de janeiro, seguindo as datas descritas abaixo. Ou, se preferirem, podem parcelar o débito em três vezes, de janeiro a março, aí sem direito ao bônus. Também é possível quitar o imposto em fevereiro, de forma integral, igualmente sem direito ao desconto.

    As alíquotas de cobrança do IPVA permanecem inalteradas em 2019, incidindo 4% sobre o valor venal para veículos a gasolina e flex e 3% para modelos a etanol, GNV, elétricos e híbridos. Picapes de cabine dupla pagam 4%, enquanto picapes de cabine simples, ônibus, micro-ônibus, motocicletas, motonetas, quadriciclos e similares recolhem 2%.

    Pagar o IPVA é muito simples: basta se dirigir a uma agência bancária credenciada, informar o número do Renavam (Registro Nacional de Veículo Automotor) e efetuar o recolhimento no guichê de caixa. Para maior comodidade, também dá para fazer o pagamento nos terminais de autoatendimento, pela internet, débito agendado ou por meio de outros canais oferecidos pela instituição bancária.

    É importante destacar que, além do IPVA, nesta época do ano é preciso quitar também o Seguro DPVAT, também conhecido como seguro obrigatório, que deve ser pago juntamente com o vencimento da cota única ou da primeira parcela do imposto, seguindo o mesmo calendário organizado de acordo com o fim da placa. No caso de veículos isentos de pagar o IPVA, o DPVAT é quitado, sempre em parcela única, em conjunto com o licenciamento.

    Licenciamento pode ser antecipado

    Em São Paulo, o licenciamento já pode ser renovado antecipadamente, até o fim de março, mediante o pagamento de taxa de R$ 90,20, acrescida de R$ 11 opcionais caso o proprietário opte por receber o documento pelos Correios, no endereço registrado no cadastro do Detran-SP. Pagar o licenciamento segue o mesmo processo do IPVA: basta informar o Renavam na instituição bancária, presencialmente ou pela internet, acessar a guia e quitar.

    O pagamento regular do licenciamento em São Paulo, como em anos anteriores, vai de abril a dezembro, igualmente organizado segundo o fim da placa - o calendário será divulgado pelo Detran-SP no próximo 1º de abril. Para liberar o licenciamento de 2019, no entanto, é necessário antes zerar todos os débitos do veículo, incluindo IPVA, seguro obrigatório e multas. Caso contrário, o documento não é emitido

    Comentários

    Ofertas Relacionadas

    logo Webmotors