Cascavel sediou a corrida mais disputada da categoria

F-Truck: Jorge Fleck vence a quinta etapa
  1. Home
  2. Bolso
  3. Cascavel sediou a corrida mais disputada da categoria
Redação WM1
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

- Com a quarta vitória no ano e em uma corrida emocionante, o gaúcho Jorge Fleck Thermoid/Sicap/Durametal/Melita aumentou bastante sua vantagem na liderança da temporada de 2000 do brasileiro de Fórmula Truck. Agora ele tem 156 pontos, 63 a mais do que o segundo colocado, Djalma Fogaça Kraucher/Fran/Biagi/Kwikasair, 93 pontos.

O público que lotou o Autódromo Internacional de Cascavel, perto de 45 mil pessoas, pôde assistir a corrida mais disputada dos cinco anos de existência da Fórmula Truck. Às 7h da manhã os portões do autódromo tiveram que ser fechados para qualquer tipo de veículos. Uma fila de cinco quilômetros já estava formada e os acostamentos da BR 277 acabou se transformando em um grande estacionamento de carros, motos e caminhões. Dentro do autódromo, todos os espaços tomados por veículos e muita gente.

A chuva que começou pouco antes da largada da primeira bateria não chegou a estragar a festa da Truck em Cascavel e até ajudou a dar mais emoção com disputas fortes e muita rodada dos caminhões. Jorge Fleck venceu a primeira bateria com Heber Borlenghi em segundo, depois de largar na 11ª posição. O piloto da Cesari Team foi quem teve a melhor performance durante as duas baterias e ficou com a segunda posição na classificação geral. Na segunda bateria ele só perdeu a liderança na última volta depois de ter liderado toda a prova. "O Fleck pegou uma boa carona minha durante toda a prova. No Bacião ele conseguiu colocar seu caminhão do meu lado e levou vantagem na saída da curva", contou conformado Borlenghi, que correu pela primeira vez no rápido circuito de Cascavel.

A primeira bateria começou prevendo-se uma vitória do paranaense Wellington Cirino que chegou a liderar a prova da 3ª volta até a metade. Ficou sem embreagem a partir da quinta volta e passou a perder rendimento – "Quando mudava a marcha, o giro do motor subia e as rodas patinavam", lamentou Cirino. Não houve tempo para concerto e ele não correu a segunda bateria. Renato Martins, que perdeu a vice-liderança do campeonato, também não teve um dia de sorte. Já havia sido desclassificado no sábado por falta de peso e largaria em último. Não correu a primeira bateria porque teve a embreagem de seu Scania quebrada na volta de apresentação. Na segunda bateria andou forte, marcou a melhor volta e saiu da 16º posição na largada para chegar em 7ºe marcar 10 pontos segurando a 3ª posição no campeonato a apenas dois pontos do vice Djalma Fogaça.

Ainda na primeira bateria as disputas entre Diumar Bueno, Fabiano Brito, Heber Borlenghi e Evaldo Quadrado tiveram momentos espetaculares na reta em frente aos boxes. Diumar acabou desclassificado pela direção de prova por atitude anti-esportiva, entendendo os comissários que ele fechou passagem para seus adversários por duas vezes. A piloto Débora Rodrigues foi muito elogiada por todos os pilotos pela performance em pista molhada. Ela marcou um sexto lugar na segunda bateria e ficou em oitavo na geral. Participou de várias disputas e se saiu bem em quase todas. "É muito bom quando a gente consegue um resultado satisfatório. Estou muito feliz e isso nos dá mais segurança para acelerar mais forte na próxima prova", comemorou Débora Rodrigues.

CLASSIFICAÇÃO DA 5ª ETAPA DA F-TRUCK:
1 Jorge Fleck RS 40 pontos,
2 Heber Borlenghi SP 30 pontos,
3 Djalma Fogaça SP 19 pontos,
4 Evaldo Quadrado RS 16 pontos,
5 Tiago Grisson PR 14 pontos,

CLASSIFICAÇÃO ATUAL DA F-TRUCK:
1 Jorge Fleck RS 156 pontos,
2 Djalma Fogaça SP 93 pontos,
3 Renato Martins 91 pontos,
4 Wellington Cirino PR 84 pontos,
5 Fred Marinelli 80 pontos,
6 Vignaldo Fizio SP 56 pontos,
7 Tiago Grisson 48 pontos,
8 Evaldo Quadrado RS 47 pontos,
9 Heber Borlenghi SP 36 pontos,
10 Beto Napolitano 31 pontos,

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors