Denatran revoga decisão sobre uso de viva-voz

Utilização de fone de ouvido permanece proibida
  1. Home
  2. Bolso
  3. Denatran revoga decisão sobre uso de viva-voz
Redação WM1
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

-
O Denatran Departamento Nacional de Trânsito recuou de sua decisão proferida dia 28 de agosto e revogou a proibição à utilização de aparelhos de viva-voz para telefones celulares em veículos. O uso destes aparelhos será permitida até que o Conselho Nacional de Trânsito decida se a proibição abrange todo tipo de celular.

O fone de ouvido, ainda que monoauricular em um ouvido permanece proibido e o valor da multa para esta infração, que deverá ser aplicada a partir de 18 de outubro a princípio será feita uma campanha de conscientização, é de R$ 85,13. O motorista infrator acumula ainda quatro pontos na carteira de habilitação.

O uso do viva-voz no trânsito será discutido durante seminário promovido pelo Departamento Nacional de Trânsito Denatran, no próximo dia 16, no Ministério da Justiça, em Brasília. Além de representantes do órgão, estarão reunidos autoridades dos Detrans e representantes da sociedade civil. O objetivo é chegar a um consenso sobre a necessidade de proibir ou não a utilização desse dispositivo.

A proibição da utilização de fone de ouvido e de viva-voz gerou protestos de motoristas, estudiosos e até das operadoras de telefonia celular, que ameaçaram recorrer na justiça contra a decisão do Denatran.

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors