Fiat-Chrsyler vai fabricar SUVs no Nordeste

Futura fábrica de Goiana (PE) deve produzir novos utilitários Jeepster e 500X
  1. Home
  2. Bolso
  3. Fiat-Chrsyler vai fabricar SUVs no Nordeste
Redação WM1
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon


A Fiat do Brasil vive um longo inverno sem lançamentos importantes. O último deles aconteceu em março de 2012, com o Grand Siena. De lá para cá, apenas versões e facelifts de modelos existentes chegaram ao mercado. Porém, os dias de sol estão cada vez mais próximos ao céu da montadora.


WebMotors apurou que eles chegarão junto da inauguração da fábrica da montadora em Goiana (PE), que acontece no segundo semestre de 2014. A nova  linha de montagem da marca deverá ser a responsável pela produção dos novos SUVs do grupo Fiat-Chrysler: 500 X e Jeepster.


Isso mesmo. O estado de Pernambuco também irá produzir um modelo da marca norte-americana Jeep. Ambos os jipinhos deverão ser revelados pela primeira vez ao mundo de maneira oficial durante o Salão de Genebra, que ocorre entre os dias 6 e 16 de março.

 

 

 

Fiat 500X

O novo SUV da Fiat chegará ao mercado até 2015 para enfrentar os rivais EcoSport e Tracker e todo o restante que virá para correr atrás do prejuízo causado pelo utilitário da Ford. Também será vendido na Europa e na China. Foi no país asiático, aliás, que vazaram as patentes oficias do SUV, no site Auto Sohu.


O novo SUV ará parte da família do 500, já composta pelo monovolume 500L. A apresentação do 500X em Genebra, porém, será muito focada no mercado europeu. O modelo brasileiro terá algumas mudanças e, provavelmente, estará no Salão do Automóvel de São Paulo, que acontece no final de outubro.  O modelo faz parte da expansão da família 500 da Fiat. Há boatos na Europa de que até mesmo o Punto seria substituído por um produto da linha. 

 

 

O pequenino Jeep

Da mesma plataforma do 500X, nascerá o Jeepster, o menor e mais em conta Jeep. A imprensa europeia ainda aponta outras possibilidades de nomes para o SUV compacto, como Laredo e Phoenix. Mesmo pequeno, o modelo manterá características de imponência dos veículos da marca. Enquanto o 500X terá linhas mais arredondadas, o Jeepster seguirá o estilo quadradão da marca.


A popular grade com entradas de ar verticais também será adotada no Jeepster, como pode ser visto no flagra acima, com o modelo rodando sobre a “mula” de um 500 L.  Este carro é tão importante para a Jeep, que deverá ser o primeiro produto realmente global da marca norte-americana.


 

A fábrica

A confirmação da produção dos dois utilitários esportivos no Brasil foi feita pelo CEO do grupo Fiat Chrysler Auto, Sergio Marchionne. De acordo com a imprensa europeia, o executivo confirmou aos seus subordinados a fabricação dos dois SUVs no mercado brasileiro. A informação foi dada também pelo jornal Valor Econômico.


O grupo, porém, não confirma a informação de maneira oficial, enquanto adianta as obras da fábrica de Goiana (PE), que será entregue no segundo semestre. Distante 62 km da capital Recife, a fábrica consumiu um investimento de R$ 4 bilhões em um terreno com 14 milhões de metros quadrados. Depois de pronta, ela irá gerar 4,5 mil empregos e terá capacidade de produção de até 250 mil automóveis por ano.


Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors