GM investirá R$ 2 bilhões para produzir sucessor do Celta

O Spark irá conviver com o atual hatch durante um bom tempo, assim como o Classic ainda convive com o Prisma
  1. Home
  2. Bolso
  3. GM investirá R$ 2 bilhões para produzir sucessor do Celta
Rodrigo Samy
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

- O presidente da General Motors do Brasil, Jaime Ardila, anunciou ao presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, a decisão da empresa de investir R$ 2 bilhões para o lançamento de uma nova família de veículos e para a expansão da fábrica de Gravataí, no Rio Grande do Sul.

Parte destes recursos será proveniente da geração de caixa da empresa e dos lucros retidos nos últimos anos fiscais. A GM, entretanto, afirmou que a empresa vai receber financiamento no valor de R$ 344 milhões do Banrisul e está em negociações com o BRDE e BNDES para novos aportes de capital.

O investimento de R$ 2 bilhões está inserido no programa de renovação da atual linha de veículos Chevrolet e, desta vez, vai contemplar o lançamento de uma nova linha de veículos pequenos. Destinados ao Brasil e a mercados emergentes, eles integram o chamado projeto Onix.

Os dois novos modelos do projeto Onix estão sendo programados para chegar ao mercado a partir de 2012. Um dos veículos que deve entrar na linha de produção do Rio Grande do Sul é o Spark. Considerado o novo carro mundial da GM, que pretende unificar plataformas e veículos no mundo todo para reduzir custos, o modelo subcompacto será apresentado no Salão de Frankfurt, em setembro deste ano.

O urbaninho deverá substituir o Chevrolet Celta em um futuro próximo, apesar de a GM afirmar em nota que o seu modelo mais vendido continuará na linha de produção. O segundo modelo deverá ser um derivado do Spark, possivelmente um sedã.

Dos R$ 2 bilhões, cerca de R$ 1,4 bilhões serão investidos no desenvolvimento dos veículos e na fábrica da GM em Gravataí, onde atualmente já são produzidos os modelos Celta e Prisma. Os R$ 600 milhões restantes serão investidos em outras operações da GM no Brasil. Com o investimento, a capacidade da planta subirá, dentro de três anos, para 380 mil unidades por ano. A capacidade da fábrica era de 120 mil unidades anuais quando foi fundada.

Assim como Volkswagen e Fiat, a GM terá uma “escada” de modelos bem variados. No caso da marca americana, as opções serão: Spark, Celta, Corsa, Agile, Astra e Vectra GT. No caso dos sedã a escalada será: um dos modelos do projeto Onix, Classic, Prisma, Corsa Sedan, Astra Sedan, Vectra, Cruze e Omega. Será que o Classic sobreviverá neste “velho-oeste”? Olha que a sua reestilização está chegando por aí.

Siga a gente no Twitter! Novidades, segredos e muito mais: www.twitter.com/WebMotors

Gosta de carros de bom preço?

Então veja aqui no WebMotors a oferta dos modelos mais baratos do Brasil:

Fiat Mille

Ford Fiesta

VW Gol 1.0

Fiat Palio 1.0

Chevrolet Celta 1.0

Leia também:

Lá fora – Veja quanto custam carros brasileiros na Argentina

Lá fora – Veja quanto custam carros brasileiros no México

Fiat oficializa oferta pela Opel e intenção de criar nova empresa

Casamento litigioso da Porsche e da VW caminha para independência amorosa

Tata Nano tem 203 mil reservas confirmadas na Índia

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors