Guia de Compra – Honda New Civic

Honda New Civic, sucesso em todo mundo e também no Brasil
  1. Home
  2. Bolso
  3. Guia de Compra – Honda New Civic
Mídia Motor
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

- Não é  à toa que o Honda Civic é um carro de sucesso. Sua primeira versão foi apresentada há quase 40 anos no Japão e desde seu lançamento, a premissa de seu projeto sempre foi a de oferecer um carro compacto, funcional e de boa qualidade.
Inicialmente, o primeiro modelo apresentado em julho de 1972, era um hatch-back de duas portas cujas dimensões eram de um sub-compacto. Seu motor tinha capacidade cúbica de 1.169 cm³ e sua tração era dianteira como o britânico Mini.

Graças a esta primeira geração, o Civic ganhou a fama de carro econômico e prático. No entanto, isso mudaria décadas mais tarde, quando o modelo ganharia novas dimensões, mais conforto e soluções técnicas que privilegiavam o desempenho.
No Brasil, o carro mundial da Honda chegou em 1992, sendo  importado do mercado americano até meados de 1996, passando a ser nacionalizado em 1997.

Em 2005, quando a sétima geração do modelo foi apresentada, o Civic causou um verdadeiro furor no mercado mundial, isso porque ele elevaria o segmento da qual fazia parte a um novo patamar, tornando-se um verdadeiro pesadelo para a concorrência. 

O sóbrio e comportado modelo, dava lugar ao então New Civic, que se destacava por suas linhas futuristas e arrojadas, com cabine avançada, pequeno capô, grande para-brisa e faróis afilados. O interior do carro também teve papel fundamental em atrair consumidores mais jovens, já que além de amplo e confortável, o novo painel do Civic era arrojado, com seus mostradores digitais transmitindo também a forte sensação de vanguarda.

Em 2006, o New Civic foi lançado no Brasil — sendo fabricado na planta de Sumaré SP —, e como havia acontecido em outros mercados, o carro instantaneamente se tornou o grande sonho de consumo de um amplo público da classe média. Dos mais maduros aos jovens, todos o desejavam em suas garagens.

Tido como uma das melhores opções de sua categoria, o modelo seguiu sem mudanças até o final de 2009, quando recebeu um pequeno face lift no para-choque dianteiro. Ao que tudo indica, alterações mais importantes em sua carroceria, principalmente na traseira, ocorrerão ainda no primeiro semestre de 2011, seguindo as linhas do protótipo apresentado no salão de Detroit, em janeiro deste ano. Apesar das mudanças, tanto seu motor, um 1.8 Flex de 4 cilindros em linha — que gera 138 cv —, quanto suas opções de câmbio, continuarão a equipá-lo.

Entre os pontos positivos, se destacam design arrojado do New Civic é um de seus maiores atrativos. Ele é capaz de agradar um público amplo, dos jovens aos mais maduros. Seu painel é atraente e inspira modernidade, já seu espaço interno é amplo, assim como seu acabamento, que agrada tanto pela estética, quanto pela qualidade. Seu motor 1.8 Flex é potente, capaz de levá-lo a velocidades respeitáveis. No que se refere a dirigibilidade, o Civic se mostra um carro muito estável, transmitindo segurança aos seus ocupantes.  Já em relação aos pontos negativos, entre as maiores queixas por parte dos proprietários do New Civic está no fato de seu porta-malas ser pequeno, para alguns, mal projetado até. Seu formato e espaço reduzido, tornam difícil acomodar a bagagem de quatro pessoas. Outro motivo de queixa que recai sobre o modelo é a falta de acessórios e recursos eletrônicos que tornem a pilotagem mais confortável e fácil, como computador de bordo, check-control, sensores de estacionamento, teto-solar, entrada para I-pod, GPS incorporado no painel, controle remoto de rádio no volante e outros "mimos".

CIVIC MUNDO AFORA


O Honda New Civic é além de um fenômeno de vendas, um modelo que já entrou para a história. Para se ter uma noção de seu sucesso no exterior, no ano de 2006, ele vendeu no mundo nada menos do que 16,5 milhões de unidades, sendo 7,3 milhões só nos Estados Unidos. Em 2010, o Civic conquistou pela décima terceira vez, o título de carro mais vendido do Canadá.

No Japão, o New Civic ganhou uma conotação mais ecológica. O modelo como o conhecemos, deixou de ser fabricado, e, após 2010, apenas o modelo híbridido continuou a ser produzido.
No cinema, o modelo ficou eternizado no filme Velozes e Furiosos, onde eram utilizados pela gangue de um dos protagonistas do filme, para realizar roubos e fugas.

O que você precisa saber para comprar seu Honda Civic usado

É comum achar nos fóruns e sites de reclamação na Internet, queixa de ruídos no pedal de embreagem do New Civic. O problema crônico ao que tudo indica é em virtude de um erro de projeto do cilindro mestre da embreagem hidráulica. Para saná-lo, é preciso executar a troca da peça, serviço esse que, se não for coberto pela garantia do carro, representará num custo considerável.


Recall

Substituição do filtro de combustível. A Honda afirma que "algumas unidades podem apresentar vazamento e, em casos extremos, ocasionar a parada do motor, existindo eventual risco de acidente".
Os proprietários dos veículos modelo New Civic Flex que devem procurar uma concessionária possuem chassis entre 93HFA66308Z218896 e 93HFA66808Z225445;


Gosta de sedãs?

Então veja as ofertas do segmento da moda no WebMotors:

Ford Focus Sedan

Chevrolet Vectra

Honda Civic

Renault Mégane Sedan

Volkswagen Bora

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors