O mercado está puxando pra cima

Marcas de luxo crescem na crise;Renegade ganha série especial para atender cliente top
  1. Home
  2. Bolso
  3. O mercado está puxando pra cima
Auto Informe
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

IMAGE

Mal chegou ao mercado o Renegade já conta com uma série especial, a Limited, pra atender um segmento que cresce em contraposição à crise, formado por consumidores de maior poder aquisitivo e que exige carros mais completos, mais equipados.

 

O Limited é feito em cima da versão Longitude, exatamente a topo de linha entre os modelos flex, e vem com rodas de 18 polegadas, bancos de couro, teto bipartido, sete airbags, quadro de instrumentos com tela de sete polegadas e custa R$ 6 mil a  mais que o Longitude, ou R$ 90 mil.

 

“O mercado está puxando pra cima”, explicou um dirigente da FCA, indicando que, ao contrário do segmento de entrada, onde a crise é mais pesada, os compradores de carros topo de linha estão indo às compras e exigindo um produto mais sofisticado.

 

A fábrica da FCA em Goiana ajustou o mix de produção do Renegade para atender o crescimento da demanda para as versões topo de linha e a versão a diesel, cuja participação prevista era de 23%, já está em 30%.

 

O crescimento da versão à diesel ocorre, segundo os técnicos da FCA, porque o Renegade não tem concorrente direto: “nosso concorrentes são dois carros à gasolina, porque a diesel não existe: o Mitsubishi ASX e o Kia Sportage. Ou então as picapes médias, pra quem exige diesel”, disse um dirigente da montadora.

 

A empresa tem hoje 154 concessionárias e chega a 200 até o fim do ano, sendo que 45 vendem também as demais marcas da Chrysler. Em apenas cinco meses conquistou 1,2% do mercado interno, entrou na lista das dez marcas mais vendidas no Brasil deixando pra trás marcas tradicionais como Mitsubishi, Citroën e Peugeot e também colocou o Renegade entre os Dez Mais.

 

Os números de evolução das vendas este ano constatam a percepção dos dirigentes da FCA: enquanto as marcas que atuam na base do mercado apresentam quedas drásticas de vendas, como Fiat (-33,6%) Volkswagen

 

(-32,9%) e GM (-30,8%), outras que atuam no topo do mercado cresceram no período janeiro-setembro.

 

Mercedes-Benz (+44,3%), Audi (+40%) e Volvo (+17,4%) tiveram crescimentos, Assim como a Jaguar, que aumentou as vendas em 16,7%. A BMW um pouco menos, com aumento de 2,4% no ano, mas nada mal num período em que o mercado total caiu 20,9%.

 

Outras marcas de luxo, de menor volume de vendas, tiveram crescimento ainda maiores, caso da Lexus, com alta de 70,5%. A Smart (+81,3%) e a Subaru (+66%) também tiveram crescimentos espantosos.

 

Isso sem contar algumas marcas que entraram pra valer no mercado este ano, caso da Jeep, e de outras com números desprezíveis de venda, como a Geely. Ambas tiveram números estratosféricos de crescimento, que não devem ser considerados na comparação com as demais. Na mesma forma, algumas tiveram quedas assombrosas, como a Rely e a Shineray (veja ranking), empresas que trabalham com números ínfimos no mercado.

 

Com exceção da Honda, que cresceu 17,4%, as marcas de médio volume, posicionadas entre o 4º e o 13º lugar no ranking, também perderam vendas este ano, mas em sua maioria a queda foi menor do que a média do mercado, com as exceções da Citroën, que caiu 43,4%, da Peugeot, – 36,4 e da Mitsubishi, que teve queda de 25,3% no período.

 

As vendas da Ford caíram 7%, da Hyundai 10,3% e da Renault 19,8%. Já Toyota (-2,5%) e Nissan (-6,3%) tiveram quedas menores.

 

AS QUE MAIS CRESCERAM

 

Class

Marca

2014

2015

 Jeep

1.979

22.746

1.049,36

 Geely

86

481

459,3

 Troler

866

1.647

90,18

 Smart

284

515

81,33

 Lexus

173

295

70,52

 Subaru

730

1.212

66,02

 Mercedes-Benz

10.202

14.726

44,34

 Audi

8.906

12.439

39,66

 Volvo

2.387

2.803

17,42

10º

 Honda

95.882

112.571

17,4

11º

 Jaguar

288

336

16,66

12º

 Lifan

3.333

3.700

11,01

13º

 BMW

10.718

10.975

2,39

AS QUE MASI CAÍRAM

Class

Marca

2014

2015

%

 Rely

767

303

-60,49

 Shineray

723

316

-56,29

 Citroën

41.957

23.736

-43,42

 JAC

6.804

4.072

-40,15

 Peugeot

31.561

20.053

-36,46

 Chery

6.712

4.311

-35,77

 Fiat

516.405

342.737

-33,63

 Volkswagen

422.565

283.234

-32,97

 GM

417.971

289.040

-30,84

10º

 Dodge

2.520

1.778

-29,44

11º

 Kia

17.562

12.519

-28,71

12º

 Iveco

2.809

2.014

-28,3

13º

 Mitsubishi

43.493

32.497

-25,28

 

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors