Setor quer concentrar na indústria o recolhimento dos impostos

Montadoras vão fazer sua própria reforma tributária
  1. Home
  2. Bolso
  3. Setor quer concentrar na indústria o recolhimento dos impostos
Redação WM1
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

- Enquanto o problemático sistema de impostos no Brasil não é revisto pelo Congresso Nacional, a indústria automobilística decidiu realizar sua própria reforma tributária. Na capital fcaptional, os executivos das montadoras negociam por conta própria mudanças na cobrança do PIS, Confins e IPI.

A prova disso aconteceu segunda-feira 22/05, com a entrega de um projeto elaborado pela Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores Anfavea. O projeto prevê a redistribuição do ICMS para facilitar a venda direta pela internet.

O governo já alterou a forma de arrecadação do PIS e Cofins, que passam das mãos do concessionário para as do fabricante a partir de julho. A expectativa é acabar com a sonegação.

Outra investida da indústria refere-se ao frete. Atualmente é o concessionário quem contrata o cegonheiro para evitar que o IPI, que incide sobre o valor do carro, inclua o transporte do veículo até o consumidor.

As montadoras estão sugerindo ao governo um desconto no IPI para incluir o frete na nota fiscal. Segundo o presidente da Anfavea, José Carlos Pinheiro Neto, a indústria quer tomar conta da logística para reduzir custos.

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors