Veja como ficou o roteiro do Sertões 2002

Além da mudança das cidades, quilometragem final foi alterada
  1. Home
  2. Bolso
  3. Veja como ficou o roteiro do Sertões 2002
Redação WM1
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon






Dia 24/07
Prólogo e largada promocional em Goiânia




Dia 25/07
Goiânia (GO) / Pirenópolis (GO)
Especial: 88 km
Deslocamento: 140 km
Total: 228 km
Saindo de Goiânia, os participantes seguiram em deslocamento e realizaram a primeira especial da competição, com 88 quilômetros. O trajeto teve muitas curvas e pedras, exigindo técnica dos pilotos de carros, motos, quadriciclos e caminhões.




Dia 26/07
Pirenópolis (GO) / Caldas Novas (GO)
Especial 1: 88 km
Especial 2: 70 km
Deslocamento: 298 km
Total: 456 km
No segundo dia de competição a caravana do Rally dos Sertões enfrentou obstáculos parecidos com os da primeira etapa especial.




Dia 27/07
Caldas Novas (GO) / Diamantina (MG)
Especial 1: 55 km
Especial 2: 76 km
Deslocamento: 609 km
Total: 740 km
Os pilotos vão enfrentar áreas de cerrado, piçarra, muita poeira e pedras. O Rally dos Sertões estará deixando o estado de Goiás e entrará em Minas Gerais. Será o dia mais longo da prova esse ano, incluindo as etapas especiais e deslocamentos.




Dia 28/07
Diamantina (MG) / Janaúba (MG)
Especial: 300 km
Deslocamento: 134 km
Total: 434 km
O dia é forte candidato a um dos mais bonitos do Rally dos Sertões 2002. "A especial será espetacular, linda!", adianta Marcos Ermírio de Moraes. Boa parte da prova se desenvolverá no topo da serra, com subidas, descidas e curvas fechadas. Depois da metade da especial os pilotos enfrentarão trecho de trial, com pedras grandes e vales. Será a especial mais longa da edição 2002.




Dia 29/07
Janaúba (MG) / Bom Jesus da Lapa (BA)
Especial: 134 km
Deslocamento: 307 km
Total do dia: 441 km
"Os amortecedores vão fazer a diferença neste dia", alerta Marcos Ermírio.




Dia 30/07
Bom Jesus da Lapa (BA) / "Cidade X"
Especial 1: 123 km
Especial 2: 193 km
A organização não divulgará o local da parada depois de Bom Jesus da Lapa e nem a quilometragem total da etapa. No final deste dia os competidores de carros, motos, caminhões e quadriciclos não poderão contar com a ajuda dos mecânicos e das equipes de apoio, que seguirão direto para Floriano, no Piauí. Os pilotos terão que fazer toda a manutenção dos veículos, na chamada Etapa Maratona. A prova acontecerá na caatinga baiana. Neste trecho serão instalados radares em vilarejos.




Dia 31/07
"Cidade X" / Floriano (PI)
Especial 1: 46 km
Especial 2: 210 km
Deslocamento: 394 km
Total: 650 km
A primeira especial será a mais rápida do dia, com piçarras, pedras, erosões e depressões na pista. Os navegadores não terão tanto trabalho neste dia, já que a distância entre uma referência e outra será bem longa. A segunda especial será travada e haverá "plantação de pedra". Essas pedras, que têm parte delas enterradas e uma ponta para fora, poderão ser as grandes inimigas dos pneus durante do Rally dos Sertões 2002.




Dia 01/08
Floriano (PI) / Crateús (CE)
Especial: 230 km
Deslocamento: 320 km
Total: 550 km
A etapa cronometrada exigirá boa navegação, já que as referências estarão muito próximas. A especial do dia será travada, com média horária baixa. Dependendo das condições do local haverá um trecho de trial dentro de um rio que deverá estar seco em agosto. O chão é todo de pedras. "Será quebradeira total", adianta Marcos Ermírio. No topo de uma serra haverá o "trecho do autorama", circuito sinuoso só de areia, sem pedras.




Dia 02/08
Crateús / Fortaleza
Especial 1: 87 km
Especial 2: 12 km
Deslocamento: 376 km
Total: 475 km
Após a saída de Crateús os competidores seguirão direto para a capital do Ceará. Serão duas etapas especiais em praias e dunas até chegar a Fortaleza, onde terminará a décima edição do Rally dos Sertões.




Dia 03/08
Festa de encerramento em Fortaleza e premiação.



Dia 04/08
Volta para a casa.




Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors