Veja os principais destaques do Salão de Genebra 2010

Salão de Genebra volta a atrair bons lançamentos e reafirma o novo mapa da indústria automobilística
  1. Home
  2. Bolso
  3. Veja os principais destaques do Salão de Genebra 2010
Auto Press
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

A crise financeira global, de certa forma, mudou a postura da indústria automobilística. De tal maneira que o Salão de Genebra, que começa dia 4 de março e andava meio devagar nos últimos anos, voltou a atrair lançamentos interessantes e de ponta. E, dentro das novas diretrizes do setor, pelo menos para os olhos do mercado e do público, os holofotes no motorshow suíço vão focar nos compactos, com motores mais eficientes ou equipados com sistemas de propulsão ecologicamente corretos.
O lançamento principal em Genebra é, sem dúvida, o novo Audi A1. Depois de muita expectativa e marketing, a marca das argolas vai estrear o seu menor modelo na Suíça, que reúne algumas características que ilustram bem as novas tendências do mundo sobre rodas.
Além de ser o primeiro compacto da montadora alemã, o A1 traz motores que prometem consumo e emissões de poluentes reduzidos graças a tecnologias como injeção direta, downsizing, turbo e transmissão automatizada.
A Volvo também promete mais eficiência na nova geração do S60, que faz sua estreia europeia em Genebra – na verdade, o modelo foi mostrado no valorizado Salão de Chicago, que até bem pouco tempo atrás era uma pálida sombra do hoje esvaziado Salão de Detroit.
O modelo prepara versões DRIVe, uma linha de motores trabalhada que anuncia emissões de CO2 inferiores a 115 g/km. O renovado S60 chegará ao Brasil no início de 2011. Antes disso, porém, é provável que o mercado brasileiro conheça a nova Kia Sportage, que compartilha plataforma com o Hyundai ix35, adotou desenho mais agressivo e faz sua estreia na Suíça.
Na busca por eficiência, as marcas também querem provar que esportividade pode combinar com menor poluição. É o marketing da Porsche com a apresentação do seu 911 GT3R Hybrid. O cupê combina dois motores dianteiros que geram 81 cv. Mas na parte de trás, lá está o rotundo propulsor boxer 4.0 com seus generosos 486 cv. Nessa lógica de esportividade, até a pouco conhecida suíça Protostar aproveita que vai estar em casa para mostrar o Lampo², um conversível ousado e totalmente elétrico que promete um zero a 100 km/h em 5 segundos, máxima de 200 km/h e autonomia de 200 km.
Os conceitos, como sempre, usam e abusam da tecnologia híbrida. A Citroën vai mostrar no evento o DS High Rider, apontado como o futuro DS4, segundo modelo da linha de luxo da marca francesa que começou com o DS3. O carro mescla um motor diesel com um propulsor elétrico traseiro. A parceira Peugeot faz o mesmo com seu SR1. O modelo que traz a nova logomarca da montadora debuta em Genebra com sistema Hybrid 4.
O protótipo reúne motor 1.6 a gasolina com turbo de alta pressão de 218 cv e 29 kgfm, motor elétrico de 95 cv, câmbio manual de seis marchas e tração integral. Um modelo que dificilmente sairá do papel, mas que serve para ditar os futuros modelos da Peugeot.
Só que produtos mais “reais” e “palpáveis” não faltarão no Salão de Genebra. O motorshow vai servir de palco para apresentações oficiais de modelos como a nova geração do Renault Mégane Coupé-Cabriolet, da Alfa Romeo Giulietta, da remodelada Seat Ibiza ST, da renovada minivan Mazda 5 e do Mini Cooper Countryman, a versão crossover do hatch retrô da marca britânica que pertence à BMW. Outros também poderão estar no Brasil em breve, como o Mitsubishi ASX, crossover apontado como sucessor do Outlander. Ou ainda a Opel Meriva, que também faz sua estreia oficial por lá com suas portas traseiras suicidas e que pode servir de base para a futura minivan que a General Motors deve fazer no Brasil sobre a plataforma do Agile. Coisa para 2012.

As atrações de Genebra em 2010

# Audi A1 – A marca alemã fez muito estardalhaço em cima do carrinho. Inúmeros teasers, jogadores de futebol passeando nele e grafitou o modelo estilizado em um muro. Agora, o menor carro da montadora estreia em Genebra com visual que acompanha a tendência de design da Audi, dois propulsores TDI turbodiesel com 90 cv e 105 cv de potência, e unidades a gasolina 1.2 de 86 cv e 1.4 de 122 cv, ambas com turbo e injeção direta.

# Kia Sportage – A nova geração do utilitário esportivo compacto faz sua estreia mundial no motorshow suíço com um visual mais agressivo e que segue a nova tendência de design da marca sul-coreana. O modelo usa a mesma plataforma do Hyundai ix35, o sucessor do Tucson. Sua chegada ao Brasil está prevista para o fim deste ano.

# Porsche 911 GT3R Hybrid – A versão ecologicamente correta do cupê chega a Genebra com dois motores elétricos dianteiros, que somam 81 cv de potência, aliados a um motor boxer – seis cilindros opostos – 4.0 litros de 486 cv. O modelo conta com um gerador elétrico acoplado ao volante do motor e se alimenta pela energia gerada nas frenagens – como o Kers da Fórmula 1.

# Citroën DS High Rider – O conceito da montadora francesa está cotado para ser o futuro DS4, o hatch médio da nova linha de luxo da Citroën inaugurada com o DS3. Com carroceria bastante musculosa e design agressivo típico dos carros da marca, o protótipo tem 4,26 metros de comprimento, 1,82 m de largura e 1,48 m de altura, usa tecnologia Full Hybrid, que combina um motor diesel com um propulsor elétrico traseiro.

# Peugeot SR1 – O conceito que inaugura a nova logomarca da Peugeot faz sua estreia em motorshows. Utiliza o sistema de propulsão Hybrid 4, com tração integral. Consiste em um motor 1.6 a gasolina com turbo de alta pressão de 218 cv e 29 kgfm que move o eixo dianteiro e atua em conjunto com uma transmissão manual de seis marchas e uma unidade de força elétrica que gera 95 cv para impulsionar as rodas traseiras.

# Renault Mégane Coupé-Cabriolet – A nova geração do conversível médio da marca francesa promete 80% a mais de rigidez torcional que a versão anterior. Na Europa, o cupê-cabriolet vai contar com três motores a gasolina, que vão dos 110 cv aos 140 cv, e três a diesel, dos 110 cv aos 160 cv. Não há previsão para sua chegada ao Brasil. Em Genebra, a Renault mostra outro conversível, o pequeno Wind, com dois lugares e baseado no novo Twingo.

# Alfa Romeo Giulietta – Trocadilho com a famosa peça de Shakespeare à parte, o novo hatch compacto da marca italiana – que comemora 100 anos – estreia uma nova plataforma e conta com sistema de direção adaptativa, que calibra suspensão, direção, câmbio, motor e diferencial eletrônico para três modos de condução. O nome é uma homenagem ao modelo dos anos 50.

# Volvo S60 – O renovado sedã médio-grande adota um chassis considerado pela montadora sueca como o mais esportivo da marca. Os diversos dispositivos de segurança foram aprimorados e o modelo também vem com City Safety, que alerta e até freia o carro até 15 km/h na iminência de uma colisão frontal. Além disso, o três volumes vai ter versões com a nova linha de motores DRIVe, que promete emissões de gás carbônico inferiores a 115 g/km.

# Mini Cooper Countryman – A versão crossover do Cooper faz sua estreia europeia. O modelo tem roupagem jipeira, é 17 cm mais comprido que o hatch “normal”, tem tração integral e sistema start-stop. A linha de motores diesel e gasolina oferece potências desde 90 cv até 184 cv.

# Opel Meriva – A segunda geração do monovolume compacto debuta oficialmente em Genebra com portas traseiras do tipo suicida – com abertura inversa às da frente. Por dentro, aumentou o conceito de flexibilidade, com bancos dianteiros com curso de 24 cm de regulagem longitudinal e de 6,5 cm de ajuste de altura, console central sobre trilhos deslizantes e um espaço embutido sob o compartimento de bagagens para acomodar bicicletas.

# Mitsubishi ASX – O crossover é tido como a futura geração do Outlander. A versão europeia do modelo traz sob o capô um motor 1.8 turbo a diesel acoplado a um câmbio manual de seis velocidades e sistema start-stop. O modelo começa a ser vendido na Europa em abril e deve chegar no Brasil no último trimestre de 2010.

# Protoscar Lampo² – O conversível elétrico da marca suíça tem linhas ousadas e é baseado no Pontiac Solstice. Oferece quatro modos diferentes de sistema para carregar as baterias de íon-lítio e promete uma autonomia de 200 km.

# Seat Ibiza ST – A nova geração do hatch da marca espanhola – do Grupo Volkswagen – cresceu 18 cm e vai estar em Genebra. O modelo conta com cinco opções de motores – três a gasolina e duas a diesel. Destaque para a 1.2 TFSI, com turbo, injeção direta e 105 cv de potência.# Mazda 5 – A renovada minivan da marca japonesa será apresentada oficialmente no motorshow suíço. O monovolume médio estreia um novo motor 2.0 e câmbio automático de seis velocidades. Um conjunto que, segundo a Mazda, promete menos 15% de emissões de gás carbônico.

Twitter


Gosta de carros de bom preço?


Então veja aqui no WebMotors a oferta dos modelos mais baratos do Brasil:

Fiat Mille

Ford Fiesta

VW Gol 1.0

Fiat Palio 1.0

Chevrolet Celta 1.0


Leia também:

Preço do carro zero praticado no mercado se mantém estável

VW cria série Final Edition, de despedida, para New Beetle

Os 100 carros mais vendidos

Volkswagen confia no mercado - e no futebol

Governo estende redução de IPI até março

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors