Porsche Macan 2020 fica mais forte... E mais caro

SUV de entrada da marca alemã ganha opção de motor mais potente; por aqui, novidade deve chegar no começo de 2020

  1. Home
  2. Lançamentos
  3. Porsche Macan 2020 fica mais forte... E mais caro
André Deliberato
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

A Porsche segue lançando ao redor do mundo a linha 2020 do Macan Turbo. De acordo com nossos parceiros do site australiano Motoring, a novidade chega por lá em outubro. Por aqui, ele deve surgir no começo do ano que vem, embora a Porsche do Brasil não tenha emitido comunicado oficial.

O próximo Macan Turbo, posicionado no topo da gama do utilitário, tem mudanças importantes no motor: agora um novo V6 2.9 biturbo, compartilhada com Cayenne e Panamera, produz 440 cv de potência e 56,1 kgf.m de torque (entre 1.800 e 5.600 rpm). Isso significa 10% a mais potência que o antigo V6 de 3,64 litros.

O torque é o mesmo, mas o peso mais baixo e o próprio tamanho do novo motor permitem ao novo Macan Turbo ter um consumo de combustível melhor, na faixa dos 10 km/litro. O câmbio não mudou: trata-se da mesma caixa PDK, automatizada, com duas embreagens e sete marchas.

Desempenho superior

Não foi só o consumo e o peso que melhoraram. A Porsche diz que o novo motor também resultou em aumento de 4 km/h na velocidade máxima (chegando agora em 274 km/h) e melhoria de 0,3 segundo na aceleração de 0 a 100 km/h, para 4,3 segundos.

Esses números ainda mantêm o Macan Turbo mais lento que o Cayenne Turbo S E-Hybrid (que faz o 0-100 em 3,8 s) dentro da Porsche - sem mencionar Lamborghini Urus (3,7 s), Tesla Model X (3,1 s), Mercedes-AMG GLC 63 S e Alfa Romeo Stelvio Q (estes dois últimos com 3,8 segundos), e os novos X3 M e X4 M (4,1 segundos). Mesmo assim, o Macan Turbo segue na lista dos SUVs mais rápidos do mundo.

icon photo
Legenda: Carroceria tem saias e asa exclusivos, bem como dupla saída de escape prateada
Crédito: Divulgação

Carroceria aprimorada

Além de um visual específico para a versão Turbo - composto por um pára-choque dianteiro mais robusto, asa traseira dupla, saias laterais e espelhos retrovisores da Porsche Design e escapamento esportivo com duas saídas prateadas -, as atualizações da linha 2020 do Macan incluem ainda freios de alto desempenho como equipamento padrão.

Oferecidos como opcional nas versões mais baratas, os discos de freio com revestimento de carboneto de tungstênio (identificados pelas pinças brancas) oferecem resposta mais rápida, menos desgaste e redução de 90% no pó de freio na comparação com os de ferro fundido convencionais.

Suspensão pneumática ajustável em altura, novos amortecedores, rodas de liga leve de 21 polegadas (oriundas do 911 Turbo), sistema de vetorização de torque e faróis de LED são outros diferenciais da versão de topo.

Por dentro, há um pacote padrão de alumínio escovado, bancos esportivos ajustáveis em até 18 posições com acabamento em couro e uma tela sensível ao toque de 10,9 polegadas de alta definição, com informações de navegação e tráfego em tempo real, além de 14 alto-falantes (sistema de som premium surround da Bose). Também há opção de partida sem chave, Internet via WiFi, Apple CarPlay sem fio, espelhos com escurecimento automático e bancos dianteiros aquecidos.

Opcionalmente, a Porsche ainda oferece ao Macan Turbo o volante esportivo aquecido que conhecemos no 911, juntamente com controle de cruzeiro adaptativo (ACC). Essa nova oferta resultou em aumento de preço na Austrália: de 133.100 dólares australianos (cerca de R$ 374 mil em conversão direta, sem impostos ou valores de importação) para 142.000 (aproximadamente R$ 399 mil).

Generated By Pixel @ 2019 08 29t04:24:12.917638

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors