Audi lança linha 2015 de RS 6 e RS 7 em

WebMotors acelerou na pista modelos que chegam às lojas nos próximos dias
  1. Home
  2. Lançamentos
  3. Audi lança linha 2015 de RS 6 e RS 7 em
Lukas Kenji
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon


(Mogi Guaçú, São Paulo) A Audi lançou a linha 2015 dos esportivos RS 6 e RS 7 nesta quarta-feira (29). O lançamento comemora os 20 anos da chegada da linha RS ao País, completados no mês passado. Ambos os modelos chegam às concessionárias nos próximos dias. A fabricante ainda não informou oficialmente o preço deles, mas a perspectiva é de que fiquem em torno de R$ 590.990 e R$ 524.990, respectivamente. Os valores são os atualmente aplicados ao model/year 14/15.

O facelift implementado nos modelos foi leve, isto é, apenas estético. No RS 6 Avant, houve mudanças na grade, chamada de Singleframe, além de faróis, entradas de ar, saias laterais, lanternas traseiras e ponteiras do escapamento.

O RS 7 Sportback também adotou a grade Singleframe, marcada pela acabamento que lembra uma colmeia. O para-choque dianteiro também ganhou novas linhas, com destaque para as entradas de ar, agora maiores, além dos novos faróis em LED.

Pequenas mudanças também ganharam o interior o RS 7. Painel de instrumentos, saídas do ar-condicionado e as aletas atrás do volante tiveram formato revisado.

EXPLOSÃO NA PISTA

O conjunto mecânico destacado pelo motor V8 4.0 biturbo FSI é compartilhados por ambos os veículos e não tiveram alteração na nova linha. E precisa? O propulsor de 560 cv entregues entre 5.700 e 6.600 rpm diverte, arrepia e emociona na pista.

Em teste com todos os veículos da linha RS realizado no autódromo Velo Città, em Mogi Guaçú, no interior de São Paulo, o bloco mostrou seu caráter explosivo. Tal bombardeio é instigado pelo modo de condução dinâmico disposto de série nos carros. Se no modo Comfort a fera já é brutal, faltam palavras para destacar o tranco recebido pelas costas ao acionar o modo Dynamic em plena reta e beirando os 160 km/h.

Trabalho impecável da transmissão Tiptronic de oito velocidades, que emana 71,3 kgf.m de torque (já aos 1.750 rpm e permanente até 5.500 giros) para as quatros rodas de maneira integral.

Atenção para os números: velocidade máxima de 305 km/h e aceleração da inércia aos 100 km/h em 3,9 segundos. Isso porque estamos falando de carros de família!

UM POUCO DE HISTÓRIA

Mas esta é realmente a proposta dos carros que recebem a grafia RS, do alemão Rennsport (esporte de competição), promover mutação de veículos de passeio em verdadeiros monstros.

No Brasil, tudo começou em 1995 com o RS 2 Avant, fabricado pela subsidiária esportiva quattro GmbH. A perua mais rápida do mundo na época chegava aos 100 km/h em 5,4 segundos.

O RS6 Avant só foi surgir em 2002, carregado de motor de 8 cilindros V90°biturbo de 4,2 litros já com controle dinâmico. Uma nova geração do modelo surgiu em 2008, oferecida desta vez nas carrocerias wagon e sedã. O RS 7 Sportback, por sua vez, ganhou vida somente há dois anos.

Comentários