Chevrolet mostra sedã Prisma a conta-gotas

Nome do novo veículo, derivado do Celta, foi divulgado no mês passado
  1. Home
  2. Lançamentos
  3. Chevrolet mostra sedã Prisma a conta-gotas
Gustavo Ruffo
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

- Primeiro, veio o nome. Agora, o primeiro esboço que inspirou o desenho definitivo do novo carro. A exemplo do que já fez com outros de seus lançamentos, mais fortemente com o Vectra, a Chevrolet vem mostrando seu novo produto, o Prisma, um sedã baseado no Celta, a conta-gotas.

A estratégia surte um bom efeito. O mais importante deles é que, mesmo antes de o veículo chegar ao mercado, as pessoas já estarão ansiosa para vê-lo, ainda mais pelo fato de o carro receber divulgação constante na mídia. A fabricante mostra, com isso, um inteligente jogo de marketing, explorando o interesse que o carro desperta para conseguir publicidade constante e gratuita.

O Prisma, como o Celta, teve desenho quase inteiramente desenvolvido no Brasil. A única coisa que não é brasileira é a plataforma, herdada da antiga geração do Corsa. De resto, todo o desenho saiu do estúdio da General Motors do Brasil, na chamada Sala de Design Virtual em 3D.

O diretor de design da empresa, Carlos Barba na foto, de pé, aposta no sucesso do novo modelo. "Após dois anos de muito trabalho chegamos a um resultado que consideramos excelente”, afirma Barba. Na divulgação da foto acima, a empresa também se preocupou em reafirmar que o carro será vendido apenas na versão 1,4-litro, agora flexível em combustível.

A preocupação, nesse caso, faz todo o sentido: se os consumidores desconfiassem que o carro pudesse vir equipado com motor 1-litro, possivelmente deixariam de comprar o Classic à espera do novo produto.

A estratégia mais provável é que o Prisma e o Classic convivam por algum tempo, até que o primeiro se mostre tão popular quanto o segundo tem sido. Quando isso tiver acontecido, pode esperar: o Prisma vai aposentar o Classic. Não faz sentido manter dois produtos com a mesma plataforma dividindo mercado a não ser que o público peça isso. E, por questões de escala e custos, a Chevrolet deve torcer para que o público não peça, ou que peça por pouco tempo.

Gosta do Chevrolet Classic?

Então veja aqui as nossas ofertas desse sedã econômico:

Chevrolet Classic

Leia também:

Citroën C4 Picasso

Fiat mostra na China possível nova aparência do Palio

Volvo mostra o C30, modelo “de entrada” da marca

Honda apresenta a Stream, minivan baseada no Civic

Sucessor do Xsara, C4 chega em versão esportiva

Celta Sedan terá outro nome: Prisma
_______________________________
E-mail: Comente esta matéria

Envie essa matéria para uma amigoa

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors