Conheça a Capotaria Cirilo, que criou a Strada Gran Venture

Transformação da Strada em cabine dupla foi confundida com o modelo que a Fiat lança até meados deste ano
  1. Home
  2. Lançamentos
  3. Conheça a Capotaria Cirilo, que criou a Strada Gran Venture
Gustavo Ruffo
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

- Quando o leitor Juliano.27 nos mandou as fotos de uma picape Fiat Strada com cabine dupla, achei estar diante de um grande furo de reportagem, mas o furo estava na reportagem, uma vez que a picape Gran Venture, na verdade, era um modelo adaptado pela empresa Capotaria Cirilo, de Belo Horizonte. Diante do limão, resolvi fazer uma limonada e ela ficou interessante. Até porque, aparentemente, o trabalho da empresa mineira foi a responsável pelo nascimento da futura picape da Fiat.

Tudo começou quando, há cerca de quatro anos, um cliente da capotaria pediu uma Strada com cabine dupla. “Fomos fazendo, fazendo e deu um resultado muito bom”, disse ao WebMotors Ronaldo Francisco de Souza, 36, sócio da empresa.

Todo o processo foi documentado e submetido à homologação do Detran, o que permite que o carro circule normalmente, com todos os documentos em ordem. “Não usamos nada de fibra de vidro ou qualquer outro material. A nossa Gran Venture é toda de lata, soldada com solda MIG. É um trabalho cuidadoso, feito para agradar aos clientes.” Funcionou.

O dono da primeira Strada CD passou a novidade para outros, que começaram a procurar a empresa para modificar também suas picapes. Até que nossos amigos do jornal “Estado de Minas” viram um exemplar e fizeram uma bela reportagem sobre o veículo. Foram feitas, no total, 20 picapes de lá para cá.

Segundo Souza, foi a partir da reportagem que a Fiat pensou na possibilidade de criar a primeira picape pequena do mundo com cabine dupla de série. “Há quatro anos a idéia nem passava pela cabeça da Fiat. Foi nosso veículo que inspirou a criação do modelo de série”, disse o empresário.

A modificação, ao contrário do que pode parecer, não mexe com a plataforma do veículo. “Nós só esticamos o teto da picape. No caso da cabine simples, em 50 cm. No da cabine estendida, em 25 cm.” Com a devida homologação, os passageiros dos bancos traseiros têm cintos de três pontos e pontos de ancoragem de bancos e de cintos até mais reforçados do que os de um modelo de produção em série. “Damos garantia de um ano para a modificação e mantemos contato com os proprietários para ter certeza de que está tudo bem. Se houvesse algum problema, consertaríamos, mas nunca aconteceu”, disse Souza.

A alteração no carro pode ser feita em qualquer picape Strada. “Para a cabine simples, nós cobramos a partir de R$ 9.500. Para a cabine estendida, R$ 6.900. O cliente tem de agendar conosco, porque a procura é grande. Não conseguimos entregar carro nenhum com menos de 40 dias de prazo”, disse o empresário.

Esclarecido o caso, resta-me pedir mais uma vez desculpas pela confusão, já devidamente esclarecida, e a referência para quem não quiser esperar pelo lançamento da versão de produção em série da Strada CD. O que é certo é que ela virá, podem esperar.

Siga a gente no Twitter! Novidades, segredos e muito mais: www.twitter.com/WebMotors

Gosta de picapes pequenas?

Então veja aqui no WebMotors as melhores ofertas para esse segmento:

Chevrolet Montana

Fiat Strada

Ford Courier

Chevrolet Pick-up Corsa

Volkswagen Saveiro

Leia também:

Fiat Strada Gran Venture, cabine dupla, é versão adaptada

SEGREDO - Leitor flagra novo Renault Symbol no Paraná

SEGREDO - Leitor flagra novo Captiva Ecotec em SP

SEGREDO - Leitor flagra novo BMW M7 em mercado na Alemanha

SEGREDO - Hyundai i30 CW é flagrada por leitor

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors