Kleemann E50K CC

Crossover, mas com muito luxo!
  1. Home
  2. Lançamentos
  3. Kleemann E50K CC
Alexandre Ramos
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

- A onda do crossover está em alta. Inaugurada pela Subaru, com seu Outback, foi seguida pelas principais fábricas do mundo, com representantes como Volvo XC 70 e Audi Allroad. Até mesmo no Brasil já houve a Parati Crossover e ainda existem Palio Weekend Adventure, VW Crossfox, sem falar nos discutíveis kits disponíveis para Fiesta, Celta etc.

Mas curiosamente, BMW e a Mercedes ficaram fora desse segmento. Aí é que entra a Kleemann, uma preparadora dinamarquesa especializada em Mercedes, que apresentou sua interpretação do que seria um Classe E 500 Touring denominação que a marca da estrela adota para suas station wagon para “todo terreno”. Trata-se do Kleemann E50KCC, baseada no E 500 Touring com sistema de tração integral 4-Matic, patenteado pela Mercedes Benz.

Pelo menos um dos principais requisitos para um veículo fora de estrada foi bastante revisto pela Kleemann: a altura do assoalho em relação ao solo. Foram instalados calços especiais que elevaram o veículo 30 mm em relação à posição original, fazendo com que a suspensão Airmatic, também desenvolvida pela MB, trabalhasse como no carro “normal”. Com a adição de novas rodas de aro 18, mesmo calçadas com pneus Toyo Proxes de perfil baixo 255/45 ZR 18 nas quatro rodas, o resultado é uma altura – do assoalho em relação ao solo – 50 mm maior.

A Kleemann foi ainda mais longe e “temperou” o motor V8 de 5 litros, equipado com compressor volumétrico, original do Classe E com um pouco mais de “pimenta”. O compressor foi substituído por um de maior capacidade, fabricado pela própria Kleemann. Devido à mudança no volume de ar admitido, além de outros parâmetros, a ECU unidade de controle da injeção e ignição foi remapeada. Coletores de escape tubulares foram instalados, todos de mesmo comprimento e maior diâmetro, com superfície interna mais lisa para melhorar o fluxo de exaustão. Os comandos de válvulas foram também substituídos por outros de perfil mais “agressivo” – mas a Kleemann não informa quais os parâmetros de levantamento e tempo alterados.

Com tudo isso esse crossover está mais para esportivo do que para fora-de-estrada: desenvolve potência de 595 cv a 5.800 rpm e nada menos do que 78 kgfm de torque máximo a baixíssimos 2.000 rpm. Talvez uma estrada de terra não seja o melhor lugar para conferir essa performance, mas a aceleração de 0 a 100 km/h declarada pela preparadora é feita em 4,9 segundos. E a máxima, ainda limitada eletronicamente há preparadoras que eliminam esse limitador, está na faixa dos 250 km/h.

Esteticamente o E50K CC recebeu algumas mudanças interessantes, que intencionam reforçar o caráter off-road do veículo. Toda a parte inferior, tanto nas laterais como na dianteira e traseira, receberam novos apliques de acabamento. Os pára-choques dianteiro e traseiro também foram reforçados e receberam uma proteção de aço inoxidável na parte inferior. E as caixas de roda ganharam moldura, para tornar o carro visualmente mais largo.

A Kleemann desenvolveu esse modelo sobre o E 500 Touring como uma espécie de “demonstrador” desse kit, mas declara que os modelos E 240 Touring e E 320 Touring também podem ser convertidos, com o respectivo preparo do motor V6 que as equipa.

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors