Nissan Sentra 2017 quer aparecer

Sedan perde câmbio manual, fica mais bonito e ganha tecnologia
  1. Home
  2. Lançamentos
  3. Nissan Sentra 2017 quer aparecer
Karina Simões
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

Fabricado no México, ele figura em um dos segmentos mais concorridos do mercado e, segundo a Nissan, o Sentra não vende mais porque o brasileiro ainda não conhece a marca. Enquanto a equipe de marketing trabalha para fazer o modelo aparecer, a engenharia entrega novidades para o sedã médio, que chega à linha 2017 com mais tecnologia, mudanças no visual e câmbio CVT em todas as versões. Nas lojas a partir desta sexta-feira (20), o modelo chega nas versões S, SV e a top de linha SL por R$ 79.990, R$ 84.990 e R$ 95.990, respectivamente.

O Sentra briga com rivais da estirpe de Toyota Corolla, Honda Civic, Chevrolet Cruze e Ford Focus. Para destacar-se no meio desta concorrência, a marca aposta em tecnologia. Digo isso, pois em termos mecânicos o carro continua praticamente o mesmo, salvo mudanças na calibração da direção elétrica. O motor continua o 2.0 flex de quatro cilindros, que desenvolve 140 cv a 5.000 giros e entrega torque de 20 kgf.m a 4.800.

A partir da linha 2017 a Nissan não irá mais disponibilizar câmbio manual para nenhuma das versões. Todos virão equipados com câmbio CVT.

IMAGE

Entre as mudanças estéticas, vale destacar o novo capô, grade em V, faróis em LED – com assinatura diurna para a versão SL –, parachoques redesenhados e novas lanternas. As rodas também receberam um novo desenho, elas são aro 16 para a versão de entrada S e aro 17 para a SV e SL.

A cabine também recebeu atenção. A comecar pelo volante, uma nova peça inspirada no Nissan 370Z. Ele é multifuncional e mais bonito, todavia, a unidade que testamos apresentou problemas em um dos botões do lado esquerdo – encaixe mal feito e ao pressioná-lo a buzina era acionada (oi?) quando isso não deveria acontecer.

No mais, o quadro de instrumentos conta com uma tela em TFT de 5” onde os novos sistemas de segurança são mostrados. Batizado de Safety Shield, o sistema reúne alerta de ponto cego, de colisão frontal e traseira.

IMAGE

Um luminoso amarelo próximo aos retrovisores laterais – na parte interna da coluna – acende caso ele identifique um veículo no seu ponto cego. Caso um pedestre passe atrás do carro enquanto o motorista está com a ré acionada, sensores identificam e um aviso sonoro é emitido. Para o alerta de colisão frontal, o motorista também é surpreendido por um aviso sonoro caso o sensor dianteiro identifique uma batida. Todavia, mesmo tentando simular uma situação não consegui fazer o sistema funcionar. Os três sistemas estão disponíveis apenas na versão top de linha, mas para a linha 2017 todas as versões contam com controle de tração e estabilidade, algo que modelos até mais caros do segmento ainda não oferecem.

Um ponto positivo é o espaço interno. No entre eixos, o Sentra se equipara ao rival Corolla com seus 2, 70 metros, mas em capacidade do porta-malas não tem para nenhum concorrente. São 503 litros, muito acima do que oferece o Corolla (470 litros), o Honda Civic (449 l), o Cruze (450 l) e o Focus, com apenas 402 litros.

IMAGE

A suspensão continua McPherson na dianteira e eixo de torção na traseira enquanto os freios são ABS com EBD. A dinâmica do carro continua a mesma e, embora ele pudesse ter um motor mais eficiente, entrega um recheio honesto e atrativo. Inclusive, foi isso que a Nissan quis priorizar, afinal, ninguém mexe demais em time que está ganhando. Seguem as versões detalhadas:

A de entrada S, vendida a R$ 79.900, entrega partida por botão – sem necessidade de usar a chave - , rodas de liga leve aro 16,  faróis de neblina, retrovisor fotocrômico, display de 5" no painel de instrumentos e sensor de estacionamento.

A versão intermediária SV, entrega o conteúdo da S mais bancos em couro, ar condicionado digital dual zone, controle de cruzeiro, central de entretenimento Nissan Connect, camera de ré e rodas de liga leve aro 17. Vendida a R$ 84.990.

A SL passa a ser a top de linha, já que a Unique não é mais oferecida. Por R$ 95.990, há teto solar, airbags laterais e de cortina, banco do motorista com ajustes elétricos (também para a lombar), retrovisor com rebatimento eletrônico, sistema de som da Bose com 4 alto-falantes, 2 tweeters e 2 subwoofers e o pacote de segurança safety shield. 

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors