Teste: Porsche 911 Carrera além dos números

Na Alemanha, andamos na versão menos potente do cupê, que é tão esportiva e divertida quanto a derivação S

  1. Home
  2. Lançamentos
  3. Teste: Porsche 911 Carrera além dos números
Lukas Kenji
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

A versão de entrada do Porsche Carrera, apresentada no último dia 3 de setembro, revela que pode ir além dos números (e letras). Tanto que, em teste realizado em Stuttgart, na Alemanha, o 911 Carrera mostrou que a ficha técnica é um documento meramente ilustrativo. Embora não apresente números de arregalar os olhos (em se tratando da marca alemã), o cupê tem desempenho expressivo. Dá para afirmar, sem medo de errar, que ele é ótima escolha em relação ao Carrera S, equipado com mesmo motor, mas que entrega 450 cv de potência.

icon photo
Legenda: Porsche 911 Carrera usa motor de 385 cv

Os 65 cv de diferença em relação ao Carrera sem S não são tão relevantes. Até mesmo a aceleração de 0 a 100 km/h prova isso. O modelo mais potente cumpre essa distância em 3,4 segundos, apenas 0,6 s mais rápido do que a versão de entrada, segundo dados da Porsche.

Na prática, o comportamento do Carrera também não fica devendo nada ao irmão mais rápido. Tem atmosfera de supercarro, com ronco que invade a cabine, além de suspensão rígida, que transmite segurança para manter o vigor em trechos sinuosos.

CATÁLOGO 0km

icon photo
Legenda: 0 a 100 km/h do 911 Carrera é feito em 4 segundos

A experiência sensorial ganha ainda mais intensidade com o modo Sport Plus selecionado. O mais raivoso dos modos de condução deixa a direção mais direta, estica os intervalos de troca da transmissão e aumenta o ronco do escapamento duplo. Mas isso não quer dizer que o 911 é um torpedo em que você sente pontadas nas costas a cada relada no pedal direito. O esportivo é extremamente equilibrado e não dá aqueles sustos típicos de modelos com tração traseira.

icon photo
Legenda: Modelo é a versão de entrada do cupê alemão

Preço é xeque-mate

Também conta pontos para o Carrera de entrada o fato de ele ser R$ 160 mil mais barato na comparação com o Carrera S. Na configuração padrão, a diferença de equipamentos leva em conta o pacote Sport Chrono, escapamento esportivo, vetorização de torque, sistema de som Bose e chave presencial. Todos esses itens estão disponíveis como opcionais para o Carrera.

icon photo
Legenda: Painel configurável e central multimídia do esportivo

O preço também deixa a versão praticamente isolada no mercado. O Mercedes-AMG GT só é vendido no Brasil nas versões mais caras, que estão na faixa superior a R$ 1 milhão. Já o Jaguar F-Type, que só está sendo comercializado com motor 2.0, não chega a R$ 400 mil. Tanto que, segundo a Porsche, a expectativa é que o Carrera corresponda a 60% do mix de vendas da gama 911.

VEJA MAIS

icon photo
Legenda: Porsche 911 Carrera custará R$ 519 mil

OFERTAS WEBMOTORS

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors