Volkswagen apresenta oficialmente o novo Beetle

Reestilização do modelo retrô moderniza as linhas sem perder o estilo “Fusca” de ser
  1. Home
  2. Lançamentos
  3. Volkswagen apresenta oficialmente o novo Beetle
Rodrigo Ribeiro
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

- A Volkswagen acabou com o mistério que cercava o “New New Beetle” – nova geração do hatch retrô lançado em 1998. Agora chamado só de Beetle, o modelo teve suas primeiras imagens e informações divulgadas pela fabricante simultaneamente em três continentes. Felizmente, o modelo ficou livre da “identidade visual” da marca que impera nos outros modelos da VW. As fotos comprovam as linhas do protótipo flagrado pela agência Automedia em 2010, com o modelo mais “achatado”.

Não é força de expressão. Inspirado no conceito Ragster, o novo Beetle está mais baixo -1,2 cm, mais comprido + 15,2 cm e largo + 8,4 cm. O efeito rolo compressor deixou o Beetle com mais cara de, bem, “Beetle” como o Fusca era chamado nos EUA. As onipresentes fileiras de LEDs do grupo VW fizeram sua estreia, felizmente fugindo do padrão: elas contornam os faróis redondos, formando uma meia-lua. O semi-círculo continua nas lanternas traseiras, cuja disposição das luzes é similar ao encontrado no VW Gol e Fox.

Por dentro o Beetle reserva uma surpresa: pelo menos por ora, o modelo não terá o volante multifuncional “do Passat CC”. O afeminado simpático vaso de flor também está ausente. Em seu lugar o painel recebeu tela sensível ao toque, ar-condicionado digital de duas zonas e mostradores sobre o painel, incluindo um cronômetro e manômetro do turbo.

Besouro voador

Turbo? Pois é, a versão mais apimentada do besouro está de volta, renovada e ainda mais potente. Usando o mesmo trem de força de 2,0 litros do Jetta Highline, o Beetle turbo gera 200 cv de potência, transmitidos às rodas por um câmbio automatizado de dupla embreagem e um diferencial blocante eletrônico – este último emprestado do Golf GTI.

O hatch médio, aliás, mantém o parentesco com o Beetle. Enquanto a primeira geração do modelo usava a plataforma PQ34 do Golf IV ainda vendido no Brasil, o novo Beetle adota a base do Golf VI, a PQ35. Tanta sigla tem justificativa: com uma distribuição de peso mais favorável, o New Beetle tinha dinâmica superior ao do já divertido Golf. Mais baixo, potente e moderno, o novo Beetle deverá surpreender ainda mais.

O Beetle também melhorou em outros detalhes. Passageiros no banco traseiro e bagagem deixaram de ser meros detalhes. O entre-eixos cresceu para 2,54, ampliando o espaço interno, enquanto o porta-malas pulou de míseros 209 litros para 310 litros. O Beetle continua incapaz de levar quatro adultos e suas malas em uma viagem, mas passeios curtos tornaram-se possíveis.

Além da versão de 200 cv, o Beetle terá motores de 105 cv 1,2l, 160 cv 1,4l e um diesel de 105 cv 1,6l. Se repetir a fórmula usada com o New Beetle, a Volkswagen do Brasil deverá oferecer somente a versão de 160 cv no País. Mas não soará absurdo quem apostar na venda da variante de 200 cv por aqui. As vendas do novo Beetle no Brasil estão previstas para o final de 2012 e início de 2013.

Veja como anda o Novo Volkswagen Beetle:

width=360 height=249 type=application/x-shockwave-flash allowfullscreen="true" allowscriptaccess="always">
Twitter
_________________

Gosta de urbaninhos?

Então veja aqui no WebMotors as melhores ofertas para esse segmento:

smart ForTwo

Volkswagen New Beetle

Fiat Cinquecento

Ford Ka

MINI Cooper

Daihatsu Cuore

Hyundai Atos

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors