Cinco motos mais esportivas do que parecem

Fizemos uma seleção com exemplos de motocicletas que têm cara de sossego, mas viram supermáquinas se você acelerar forte

  1. Home
  2. Motos
  3. Cinco motos mais esportivas do que parecem
André Deliberato
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

O universo de motos esportivas e superesportivas é demasiadamente complexo. Normalmente, as motocicletas que têm desempenho apropriado para uma pista costumam ser bem caras - algumas delas, inclusive, são vendidas em lotes limitados e até numerados, tamanha exclusividade. Mas existem motos mais esportivas do que parecem?

Sim, elas existem! Acredite, alguns modelos carregam consigo performance surpreendente, mesmo que não transpareçam isso visualmente - ou no ronco emitido pelo escapamento. Com exemplos, fizemos uma seleção de motos mais esportivas do que você imaginava. Confira!

1. Husqvarna Vitpilen 701

No site oficial da empresa sueca Husqvarna, a Vitpilen 701 é classificada como um "poderoso ícone urbano" pelo tamanho compacto e tocada fácil na cidade. Mas, veja só, essa motocicleta é equipada com um poderoso motor monocilíndrico de 693 cc, 75 cv e câmbio de seis marchas.

De acordo com a empresa, o objetivo da Vitpilen é oferecer estilo minimalista com um desempenho excepcional, reduzida à essência do que uma motocicleta ágil deve ser, e criar até mesmo uma nova perspectiva sobre o "motociclismo urbano". Acredite, essa moto anda muito e é surpreendente.

Husqvarna Vitpilen 701
icon photo
Legenda: Husqvarna Vitpilen 701 chegou ao Brasil há alguns anos e é uma das motos mais esportivas da marca
Crédito: Marco Campelli/Divulgação

2. Triumph Street Triple RS

As motos da categoria naked (sem carenagem) costumam ser bons exemplos de modelos mais esportivos do que aparentam, ou seja: que aceleram forte sem trazer isso para o visual ou ronco do escape. A Street Triple é um desses casos.

Categorizada como "roadster" no site da empresa - ou seja, boa opção para viagens em estradas -, essa motocicleta esconde um fortíssimo motor de 765 cilindradas, 123 cv e câmbio de seis marchas.

624especial Triumph Street Triple Rs 1
icon photo
Legenda: Triumph Street Triple RS é naked que parece pacata, mas acelera forte
Crédito: Divulgação

3. BMW C 600 Sport

Sim, até um scooter pode ser esportivo. Este é o caso do maxi scooter BMW C 600 Sport, uma motocicleta "completaça", equipada com motor bicilíndrico de 647 cc, 60 cv e 6,73 kgf.m de torque. Segundo o fabricante, o C 600 combina propriedades de condução de uma motocicleta com a agilidade e o conforto de um scooter e proporciona uma "nova experiência dinâmica".

De fato, é realmente divertido acelerar em posição sentada (e não montada) sem precisar se preocupar com as trocas de marcha - afinal, o modelo é equipado com câmbio automático tipo CVT. Vale o registro: o C 600 é um dos scooters mais divertidos de se guiar já produzidos pelo mercado de motocicletas.

BMW C 600 Sport
icon photo
Legenda: BMW C 600 Sport é um dos scooters mais divertidos do mundo: acelera muito e ainda sabe fazer curva
Crédito: Divulgação

4. BMW K 1600 GTL

Modelos da categoria Touring/Tour são outros exemplos de motocicletas que têm visual comportado mas desempenho de gente grande. No caso da BMW, a marca oferece duas opções nessa categoria: a K 1600 GTL e a K 1600 B. Uma das mais conhecidas desse segmento, no entanto, é a Honda Gold Wing.

As motos da BMW Motorrad utilizam um motor 1.6 de seis cilindros em linha, 160 cv e 17,8 kgf.m de torque, números que muitos carros não conseguem atingir, em um corpo de quase 350 kg. A proposta, como é de se imaginar, é de muito conforto para longas viagens, mas os números de desempenho são monstruosos: 0 a 100 km/h em 3,9 segundos, 0-200 em 7,8 segundos e velocidade máxima de 200 km/h.

bmw k 1600 gtl
icon photo
Legenda: BMW K 1600 GTL acelera muito e tem conforto extremo, mas custa caro: R$ 131.950
Crédito: Divulgação

5. Honda CRF 1000 L Africa Twin

As bigtrails também são exemplos de motocicletas com performance surpreendente, de certo modo considerado até esportivo. Um dos grandes exemplos da categoria é a Honda CRF 1000 L Africa Twin, moto de mil cilindradas rival de Triumph Tiger 800 XC e BMW F 850 GS Adventure.

A Africa Twin tem motor de dois cilindros com 90 cv e bons 9,3 kgf.m de torque, controle de tração em três níveis, câmbio de dupla embreagem e apenas 212 kg de peso seco. Sua proposta, assim como as concorrentes, é atrair quem quer acelerar forte em estradas de terra. O desempenho é alucinante.

icon photo
Legenda: Honda Africa Twin é moto criada para enfrentar estradas de terra e asfalto. Desempenho impressiona
Crédito: Renato Durães/Honda
Comentários