“Cinquentinha”, agora só com carteira de habilitação

Nova lei exige habilitação de usuários de motos e ciclomotores de baixa cilindrada
  1. Home
  2. Motos
  3. “Cinquentinha”, agora só com carteira de habilitação
Auto Informe
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

IMAGE

A cinquentinha, como é conhecida a moto de baixa cilindrada que podia ser pilotada por qualquer pessoa, passa a se enquadrar na legislação de trânsito e portanto sua condução exige carteira de habilitação.

 

Motos e ciclomotores abaixo de 50cc passam a ter o emplacamento obrigatório, conforme lei sancionada pela presidenta Dilma Roussef. A lei altera o inciso do XVII do artigo 24 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB).

 

A mudança visa reduzir os acidentes causados pelos motociclistas destes veículos, que, por não serem fiscalizados, cometem muitas infrações e causam muitos acidentes. O problema é mais grave nas regiões Norte e Nordeste.

 

Para quem não sabe, antes desta lei, os municípios era responsáveis pela documentação dos ciclomotores e a maioria não era fiscalizada. Com isso, muitas pessoas sem habilitação pilotavam esses veículos, que não podia ser multado.

 

Com a mudança na lei, a responsabilidade passa a ser dos Estados via Detran. Agora, para pilotar qualquer moto abaixo de 50cc é preciso ser habilitado.

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors