Clínica MX te ensina a pilotar sua moto de cross

Webmotors comprovou que aprender a pilotar com que sabe pode fazer a diferença
  1. Home
  2. Motos
  3. Clínica MX te ensina a pilotar sua moto de cross
Karina Simões
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon


Cresci no meio off-road, mas meu negócio sempre foi o 4x4. Por quantas vezes, nas trilhas, ficava vidrada no bando de motociclistas ligeiros e enlameados que passavam rasgando por nós, jipeiros. Repito, na terra sempre treinei minhas habilidades sobre quatro rodas, nunca duas.

Há cerca de dois anos tive meu primeiro contato com uma moto de cross, já como motociclista habilitada. Foi o suficiente para que eu ficasse absolutamente obcecada com a atividade e topasse me aventurar por aí sem pensar muito em aprender como se faz. Adianto que, sem nenhuma instrução, o processo foi sofrido. 

Felizmente, logo após meu primeiro “rola” a Honda praticamente me pegou pela mão, me arrumou uma CRF 230 e me ensinou o “be-a-bá” de pilotar uma moto de cross. A lógica é simples, se a moto é preparada para "andar" na terra, o piloto também deve estar preparado. É bem diferente de acelerar no asfalto. Como jornalista, minha proximidade com a Honda facilitou o caminho, mas recentemente tive contato com um curso de pilotagem off-road que qualquer um pode fazer – e convenhamos, cursos de motovelocidade vemos aos montes por aí, mas a oferta não é tão grande quando o piso é de terra.

IMAGE

A WebMotors foi convidada a participar da Clínica MX, ministrada pelo piloto Mauro Faucon, o “Maurinho”, da RM Motocross Racing. Mauro é piloto profissinal de motocross há mais de 30 anos, o que quer dizer que suas dicas certeiras podem acelerar o processo de aprendizado de quem queira aprender a modalidade.

O curso acontece na pista da Fazenda ASW, em Mogi das Cruzes (SP), a cada dois meses. Homens, mulheres e crianças maiores de 5 anos são bem-vindos, basta ter equipamento de proteção adequado e uma moto de cross de qualquer cilindrada. O mais legal é que independentemente do nível de cada piloto e da moto que ele tem (dois ou quatro tempos, de 150 cc até 450 cc), todo mundo termina o curso certo de sua evolução e com um dia muito divertido pra conta.

IMAGE

Maurinho e seu parceiro, Gianfranco Provenza, receberam a chancela da Fcaptionação Internacional de Motociclismo para o curso – o único no Brasil homologado pela FIM. Ou seja, cada técnica repassada aos alunos é fundamentada, o porquê das técnicas é explicado, os exercícios são demonstrados e depois, com a ajuda de mais dois instrutores, os alunos são corrigidos incansáveis vezes. O empenho dos instrutores impressiona.

IMAGE

O motocross exige muito fisicamente, por isso a preparação começa antes de subirmos na moto. Uma boa noite de sono, alimentação adequada, alongamento e hidratação são necessários se você quiser aproveitar o máximo do curso, acredite.

A ginástica é intensa. Primeiro, porque a moto de cross é pilotada em pé a maior parte do tempo. Depois, nas curvas, o piloto fica sentado e eleva uma das pernas. Ou seja, você senta e levanta o tempo todo, deve lembrar-se de deixar o peso do corpo sobre as pernas, braços semi-relaxados e cotovelos para o alto, flexionados. Acelerações requerem posição de ataque, enquanto nas frenagens, você deve deslizar para trás no banco. A subida exige do piloto uma postura diferente de uma descida e, nos saltos, posicionar-se de maneira errada pode ser desastroso. Na teoria parece muita informação, mas na prática você entende bem rápido como o posicionamento ajuda no desempenho, além de transmitir mais confiança e segurança para você andar mais rápido e, de quebra, se divertir mais.

IMAGE

Até este curso, nunca ninguém havia me ensinado como largar corretamente, qual a rotação ideal do motor em uma arrancada e o que fazer com os pés nessa hora. Você repete o exercício tantas vezes - e é corrigido na mesma intensidade -, que a execução correta passa a ser automática. Método comprovadamente eficaz.

No dia que participei, a turma foi bem eclética. O aluno mais novo tinha oito anos e o mais experiente, mais que o triplo da idade da criança só em cima de uma moto. O primeiro passo é livrar-se dos preconceitos (mesmo que você se ache muito habilidoso) e entender que sempre temos o que aprender, seja por uma dica de posicionamento que pode deixar a pilotagem bem mais fácil ou a simples convivência com aqueles que sabem bem mais que você.

IMAGE

O curso dura o dia todo e paga-se R$ 500 para participar. No preço, além de tudo o que eu já mencionei, está incluso uma apostila e um certificado de conclusão. Se você animou, pode encontrar mais informações em www.rmracing.com.br.

Voltei pra casa lembrando da época das trilhas de jipe. Da simplicidade do contato com a natureza, da satisfação em fazer dos obstáculos o prazer e de voltar pra casa suja de terra, mas com um enorme sorriso no rosto. Igualzinho naquela época, so que desta vez, proporcionado por duas rodas a menos. 

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors