Contran estabelece normas para motocicletas movidas a energia elétrica

De acordo com a resolução, os ciclos-elétricos devem ter espelhos, farol, lanterna, velocímetro, buzina e pneus que ofereçam segurança
  1. Home
  2. Motos
  3. Contran estabelece normas para motocicletas movidas a energia elétrica
Rodrigo Samy
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

- O Conselho Nacional de Trânsito Contran publicou a resolução 315, que equipara os veículos cilclo-elétricos aos ciclomotores.

Segundo a Resolução, para circular em vias públicas os ciclo-elétricos deverão possuir espelhos retrovisores, farol dianteiro de cor branca ou amarela, lanterna traseira de cor vermelha, velocímetro, buzina e pneus que ofereçam condições mínimas de segurança.

De acordo com a Resolução, o ciclo-elétrico é todo veículo de duas ou três rodas, provido de motor de propulsão elétrica com potência máxima de quatro quilowatts, cujo peso máximo, incluindo o condutor, o passageiro e a carga, não exceda a 140 kg e cuja velocidade não ultrapasse 50 km/h.

Segundo a norma, a bicicleta dotada de motor elétrico também é considerada ciclo-elétrico. O WebMotors tem uma série de testes elaborados com motocicletas elétricas. Veja, por exemplo, como andou a Motor-Z V500, um scooter limpo e retro, e a Motor-Z S 500, um scooter elétrico que deixa consciência e ar limpos .

_________________________________
TwitterTwitter
_________________________________

Quer uma moto na faixa dos R$ 8.000?

Então veja aqui no WebMotors as ofertas para cada estilo de moto:

Street

Scooter

Trail

Leia também:

Miza Drago 150, a custom do povo chinês

Sundown Future 125, a solução urbana

Sundown Web 100, moto feita para a cidade

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors