Eis a primeira big trail chinesa: a CFMoto 800 MT

Exibida no Salão de Xangai, a moto tem motor da KTM austríaca e é tão equipada quanto os modelos europeus top de linha

  1. Home
  2. Motos
  3. Eis a primeira big trail chinesa: a CFMoto 800 MT
Roberto Dutra
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

Acaba de nascer a primeira big trail chinesa. Ou quase: a CFMoto 800 MT tem projeto chinês, mas o coração é austríaco - o motor é fornecido pela KTM. A moto foi apresentada no Salão de Xangai, que é um evento voltado para automóveis, mas que sempre tem a participação de fabricantes de motocicletas.

2. Cfmoto 800 Mt
Fruto de parceria da  CFMoto com a KTM, a 800 MT é a primeira big trail fabricada na China
Crédito: Divulgação

Com isso, a CFMoto é a primeira marca asiática a investir em um segmento tradicionalmente dominado pelas marcas europeias e japonesas - a própria KTM, além de Triumph, BMW, Kawasaki, Suzuki, Yamaha e Honda. Aliás, aparentemente vem desta última a "inspiração" para o design da moto, que lembra um bocado a CL 1.100 Africa Twin. Mas, de certa forma, essa big trail é uma "salada": por certos ângulos também lembra modelos das outras marcas citadas.

Cfmoto 800mt 3 1000x667
O visual da 800 MT remete ao de modelos como a Honda Africa Twin e Triumph Tiger
Crédito: Divulgação

Fruto de parceria com a KTM, a 800 MT usa o mesmo motor LC8 da 790 Adventure. São dois cilindros em linha com refrigeração a água, 799 cm³, 95 cv de potência máxima a 9.500 rpm e torque de 7,9 kgf.m a 6.500 rpm. A injeção eletrônica vem da Bosch alemã. Componentes como quadro e balança são diferentes dos usados na moto da KTM, e o tanque é maior - 19 litros. A suspensão dianteira é da Kayaba e as pinças de freio vêm da grife espanhola J.Juan.

3. Cfmoto 800 Mt
O projeto é chinês, mas o coração é austríaco: o motor é fornecido pela KTM
Crédito: Divulgação

A 800 MT surge bem equipada - ainda mais para uma moto feita na China. Tem recursos como quickshifter bidirecional (que permite a troca das marcas sem uso da embreagem e sem alívio de acelerador), painel de TFT colorido de 7 polegadas com GPS integrado, aquecimento para bancos e punhos, opção de rodas de liga leve ou raiadas (com aro 19 na frente, enquanto a moto da KTM usa aro 21), ABS atuante em curvas, acelerador eletrônico, modos de pilotagem, controle automático de velocidade, iluminação totalmente com LEDs e luz de rodagem diurna (DRL), monitoramento de pressão dos pneus e, de acordo com a versão, baús de alumínio laterais e traseiro.

A 800 MT é fabricada em uma planta a 200 km de Xangai, cuja capacidade produtiva é de 50 mil motos por ano. Além dela, a unidade também fará versões das KTM 750 Duke, Adventure e Supermoto voltadas para o mercado chinês. Mais adiante, também fará modelos da linha KTM 890 e off-road profissional.

Mas trail média já existia...

A CFMoto 800 MT pode ser a primeira big trail chinesa, mas modelos on/off-road médios "made in China" já existem. É o caso da curiosa Hengjian Dahaidao 500, uma trail cujo design também lembra o da Honda CL 1.100 Africa Twin. Esses chineses...

4. Hengjian Dahaidao 500
O visual da Dahaidao 500 também lembra muito o da Honda CL 1.100 Africa Twin. Ela só é menor
Crédito: Divulgação

A Dahaidao 500 é feita pela gigante Chongqing Hengjian Motorcycle Manufacturing Co., que produz motos com motores de até 500 cm³ sob a marca Hengjiang.

O motor é um bicilíndrico fornecido pela Loncin Motor. Rende 44 cv de potência a 8.500 rpm e 4 kgf.m de torque a 7.000 rpm. Misteriosamente esse motor é extremamente parecido com os usados na linha Honda CB 500.

Mas pelo menos uma particularidade a Dahaidao 500 tem: é uma rara moto com dois tanques de combustível - um no lugar habitual, que comporta 23 litros, e outro sob o assento, que pega mais 17 litros. Essa capacidade total de 40 litros de combustível dão à moto uma autonomia incrível, que pode chegar a 1.200 quilômetros.

6. Hengjian Dahaidao 500 3
Até nos nomes das versões e no motor bicilíndrico de 500 cm³, a Dahaidao lembra a Africa Twin
Crédito: Divulgação

Essa chinesa existe em duas versões e uma tem o sobrenome de Travel Edition - que já foi usado justamente pela Honda CL 1.100 Africa Twin (quantas coincidências!). Essa versão é mais voltada para o asfalto e, por isso, tem roda dianteira aro 19 e traseira aro 17.

Já a versão Adventure Edition (ufa, a Honda usa Adventure Sports), também voltada para um off-road mais brabo, usa roda dianteira aro 21 e traseira aro 18. Além disso, tem suspensão dianteira invertida e traseira ajustável, e pinças de freio da espanhola.

O painel da trail média é uma tela de TFT de 7 polegadas
Crédito: Divulgação

O painel é uma tela de TFT de 7 polegadas. Bem completinho, tem até indicador de pressão dos pneus e conectividade Bluetooth com o celular. Quer mais? A moto tem duas câmeras, uma na frente e outra atrás, cujas imagens podem ser vistas e gerenciadas pelo painel de TFT. Mesmo quando o assunto é moto trail, os chineses não estão para brincadeiras.

Comentários