Indian embarca na onda retrô com nova Scout Bobber

Nova versão da Scout traz ciclística rebaixada, pneus mais largos e “V2” de 1.133 cc com 94 cv de potência máxima

  1. Home
  2. Motos
  3. Indian embarca na onda retrô com nova Scout Bobber
Agência Infomoto
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

A onda das clássicas modernas é uma realidade em todo o mundo e a Indian não podia perder essa oportunidade. Modelo de entrada da marca norte-americana, a Scout chega com uma nova roupagem retrô e o nome de Bobber. A maioria das mudanças é puramente estética, embora algumas alterações na ciclística e na ergonomia conferiram uma atitude mais agressiva à moto e também à posição de pilotagem. A Indian Bobber 2018 custa US$11.499 (cerca de R$ 36.500, na conversão direta), apenas US$200 a mais que a Scout original. Em termos de comparação, o modelo-base aqui no Brasil tem preço sugerido de R$ 49.990. 


icon photo
Legenda: Indian Scout Bobber
Crédito: Indian Scout Bobber



O novo membro da tribo evoca ainda mais o estilo retrô da Scout, porém com uma “pegada” mais sombria. Traz guidão reto com retrovisores nas extremidades e pedaleiras avançadas. A lanterna traseira foi descartada e as luzes de direção incorporaram a lanterna traseira e a luz de freio. Além disso, a Bobber apresenta várias peças pintadas em preto. Tudo para atrair clientes mais jovens e descolados. No mercado internacional Triumph Bobber e Harley-Davidson Street Bob são as principais concorrentes da nova Indian.


icon photo
Legenda: Indian Scout Bobber
Crédito: Indian Scout Bobber



O farol recebeu uma capa e o mostrador do velocímetro conta com fundo preto, em vez do tradicional creme com vermelho. Preto também foi o padrão usado no cobre-corrente, escapamento e motor. Os para-lamas estão mais curtos. O assento, único e redesenhado, recebeu duas tonalidades de cor: preto e marrom. Motor, câmbio e freios permanecem os mesmos da sua irmã Scout.


 Indian Scout Bobber
Legenda: Indian Scout Bobber
Crédito: Indian Scout Bobber



Propulsor de dois cilindros em “V”, 1133 cm³ de capacidade, 94 cv de potência máxima e muito torque desde as baixas rotações: 9,96 Kgf.m a 5.900 rpm. Conta ainda com refrigeração líquida e câmbio de seis velocidades. Com capacidade para 12,5 litros de combustível, a Bobber pesa 254 kg, em ordem de marcha.


Ciclística rebaixada e "jovem"


Na parte ciclística, a principal alteração foi na suspensão traseira, rebaixada em 25 mm. Agora o curso é de apenas 50 mm. Com essa mudança, aliada ao guidão e ao novo banco, a posição de pilotagem se tornou mais esportiva.


icon photo
Legenda: Indian Scout Bobber
Crédito: Indian Scout Bobber



Na dianteira, a moto conta com novos cartuchos no garfo telescópico, com 120 mm de curso. O conjunto, segundo a marca, oferece mais progressividade e conforto. Já o sistema de freios é composto por disco simples em ambas as rodas, como na versão original. E sendo fiel ao estilo Bobber o modelo ganhou pneus mais largos - 130/90-16 (D) e 150/80-16 (T), calçados em rodas de liga-leve com aro de 16 polegadas.


icon photo
Legenda: Indian Scout Bobber
Crédito: Indian Scout Bobber



Para o diretor de marketing da Indian Motorcycle, Reid Wilson, a Scout Bobber é uma máquina incrivelmente divertida. “E o estilo bobber é uma velha solicitação dos fãs da Scout, que queriam uma moto mais agressiva e com uma ótima plataforma para customização”. Consultada, a Indian Motorcycle do Brasil afirma não ter informações sobre a vinda da Bobber ao nosso mercado, pois o modelo acaba de ser apresentado nos Estados Unidos. Porém garante que a nova Bobber que se encaixaria muito bem no cenário nacional.

icon photo
Legenda: Indian Scout Bobber
Crédito: Indian Scout Bobber

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors