Yamaha Ténéré 700 sai do papel, mas ainda demora

Grande lançamento da marca em Milão, aventureira só chegará à Europa em 2019

  1. Home
  2. Notícias
  3. Yamaha Ténéré 700 sai do papel, mas ainda demora
Redação WM1
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

Muito se falou sobre a chegada da substituta da Yamaha Ténéré 660. Há mais de um ano, um protótipo chamada T7 surgiu, logo depois, no mesmo Salão de Milão, a Yamaha mostrou esse embrião da nova aventureira. Muita coisa passou e, finalmente, neste ano, ela apareceu.

A notícia seria digna de comemoração para os fãs de trilhas, barro e desbravamentos, não fosse pela data de chegada do modelo à Europa: meados de 2019. Ou seja, se tivermos sorte, a nova Ténéré será mostrada no Salão Duas Rodas, no fim do ano que vem.

Pessimismos à parte, a nova Ténéré parou o estande da Yamaha. Não que ela seja assim, exatamente, bonita. Pelo contrário. O banco fino não passa muito conforto, mas coloca o piloto em posição bastante agressiva. Fica claro que o foco são as expedições fora de estrada: seu tanque de 16 litros pode levar a moto a 350 km de distância sem abastecer.

Outro ponto que mostra que a nova Ténéré nasceu para cruzar desertos é o quadro de berço duplo, feito de aço reforçado e conjunto de suspensão longo (210 mm na dianteira e 200 mm na traseira). O motor é o mesmo da nossa conhecida MT-07. Um bicilíndrico de 689 cc e 75 cv.

Informações de Ícaro Bedani, de Milão, Itália. 

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors