BMW X3 e X4 ganham sistema híbrido leve

Modelos da marca alemã chegam à linha 2022 na Europa e apresentam também atualizações estéticas e técnicas

  1. Home
  2. Últimas notícias
  3. BMW X3 e X4 ganham sistema híbrido leve
Guilherme Silva
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

Os BMW X3 e X4 chegaram à linha 2022 na Europa com o visual renovado e uma importante novidade. Os SUVs ganharam o sistema híbrido leve de 48 volts para aumentar a eficiência do conhecido motor a gasolina de seis cilindros em linha.

Além das atualizações estéticas e técnicas, os modelos também tiveram as versões esportivas X3 M e X4 M Competition reveladas para o mercado europeu.

Os retoques estão concentrados na dianteira dos SUVs, que passam a contar com faróis mais estreitos e grade maior (cada vez mais comum nos novos modelos da marca). Na traseira, X3 e X4 tiveram as lanternas atualizadas com novo arranjo luminoso e para-choque com saídas de escape redesenhadas.

Nas variantes X3 M e X4 M, o visual é mais agressivo por conta dos para-choques com entradas de ar maiores, saias laterais e difusor traseiro. As rodas são de 20 polegadas, mas têm o diâmetro aumentado para 21 polegadas no caso dos modelos com o pacote M Competition.

Já o interior dos SUVs receberam o console central idêntico ao do modelo Série 4, além da nova central multimídia de 10,25 polegadas e painel digital de 12,3 polegadas. Os comandos do ar-condicionado e o acabamento interno também foram atualizados. Nos modelos M e M Competition, o revestimento combina couro e Alcantara (camurça sintética).

Na parte de segurança, X3 e X4 2022 passam a ser equipados com assistências de condução, como controle de cruzeiro adaptativo, frenagem autônoma emergencial com detecção de pedestres e ciclistas, além do assistente de manutenção em faixa.

Motorizações

Principal novidade dos SUVs, o sistema híbrido leve de 48 volts permite que o motor a combustão seja desligado a velocidades entre 24 km/h e 159 km/h, o que reduz o consumo de combustível em situações que não necessitem de muita potência. O recurso também reaproveita a energia cinética gerada nas frenagens para gerar a eletricidade que alimenta os sistemas elétricos do carro.

O motor 3.0 de seis cilindros turbo, movido a gasolina, desenvolve 387 cv de potência e 51 kgf.m de torque. Segundo a BMW, os X3/X4 M40i aceleram de 0 a 100 km/h em apenas 4,4 segundos e atingem velocidade máxima de 250 km/h.

A marca ainda oferece a motorização 2.0 turbo de quatro cilindros, de 251 cv e 35,6 kgf.m, nas versões X3 sDrive30i, X3 xDrive30i e X4 xDrive30i. Nesse caso, a aceleração até os 100 km/h é atingida em 6 segundos, enquanto a velocidade final é de 209 km/h.

Todas as versões dos SUVs são equipadas com câmbio automático de oito marchas. O sistema de tração integral é exclusivo das variantes xDrive.

Já as configurações esportivas são equipadas com uma variante mais potente do motor 3.0 turbo de seis cilindros. Nelas, o propulsor entrega 480 cv e 63,1 kgf.m. Nos modelos M Competition, potência e torque sobem para 510 cv e 66,1 kgf.m, respectivamente. A aceleração de 0 a 100 km/h é feita em 3,9 segundos, com velocidade máxima de 250 km/h (ou 3,7 segundos e 284 km/h nas M Competition).

Comentários