Conheça a nova Kawasaki Ninja de "Top Gun"

Moto mais potente já criada para as ruas está presente na sequência do clássico interpretado por Tom Cruise

  1. Home
  2. Últimas notícias
  3. Conheça a nova Kawasaki Ninja de "Top Gun"
Renan Rodrigues
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

Os fãs de cinema e de motos devem se lembrar do clássico filme "Top Gun", de 1986. Uma das cenas mais marcantes é quanto Tom Cruise pilota uma Kawasaki GPZ 900, lançada em 1985 e considerada a primeira Ninja entre as motos esportivas. Agora, tanto o filme quanto a Ninja estão de volta.

 Cena recriada para "Top Gun: Maverick"
Tomcruise Topgun2 Crop 1024x474
Legenda: Cena recriada para "Top Gun: Maverick"
toggle button

Na última semana, foi divulgado o trailer de "Top Gun: Maverick", a sequência do filme de 1986 que também conta com a presença de Tom Cruise. Além de diversas cenas de ação envolvendo caças, chama a atenção a recriação do take clássico. A cena é basicamente a mesma: Maverick, o protagonista vivido por Tom Cruise, pilota uma moto sem capacete. No entanto, desta vez o ator guia uma Kawasaki H2, a moto de rua mais potente do mundo.

A Ninja H2 impressiona pelo porte. São 2,08 metros de comprimento e quase 1,5 m de entre-eixos. O visual futurista, reforçado pelas faixas em prata, também chama a atenção. O motor é um quatro cilindros de 1.000 cc sobrealimentado por compressor -- são 243 cv de potência a 11.000 rpm e 13,6 kgfm de torque a 10.500 rpm.

Para ajudar o piloto, a supermoto conta com controle de tração, freios com ABS, controle antiderrapagem e outros itens eletrônicos. A velocidade máxima é limitada eletronicamente em 240 km/h. Para efeito de comparação, a primeira Ninja também tinha motor de quatro cilindros, mas com 113 cv de potência máxima.

 Kawasaki Ninja H2 Carbon
Tudomoto Kawasaki Ninja H2 Carbon.4
Legenda: Kawasaki Ninja H2 Carbon
toggle button

"Top Gun: Maverick" chega aos cinemas somente em julho de 2020, mas a Ninja H2 já pode ser encomendada no Brasil pela bagatela de R$ 168 mil.

Comentários