Drift: a arte de controlar a derrapagem

Bastante popular no Japão, modalidade consiste em manter o controle do carro mesmo em derrapagens extremas

  1. Home
  2. Últimas notícias
  3. Drift: a arte de controlar a derrapagem
Redação WM1
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

Muito se fala sobre o drift pra lá e pra cá. Mas você sabe o que essa palavra significa? Pois bem, trata-se de uma modalidade do automobilismo, bastante popular no Japão. Seu objetivo? Controlar o carro em derrapagens extremas.

Toyota Corolla Drift
No drift, quanto mais de lado, melhor
Crédito: Divulgação

Antes de mais nada, vale destacar que o drift é uma modalidade. Ou seja, não deve ser feita em qualquer lugar, apenas em pistas fechadas para este fim.

A derrapagem é a manobra principal. Ao sair de lado, o piloto deve manter o controle do carro, de maneira que o veículo continue a deslizar. Quando mais de lado, maior o nível de dificuldade.

As manobras costumam ser julgadas por juízes, que, dentro de uma série de parâmetros, atribuem notas. Essas avaliações definem o vencedor. Velocidade, ângulo do carro e até quantidade de fumaça podem ser levados em consideração.

Recorde drift mais longo BMW M5 2018 Guinness Book
Manobras devem ser feitas apenas em circuitos fechados
Crédito: Recorde drift mais longo BMW M5 2018 Guinness Book

A competição é disputada por carros com tração traseira, já que a força nas rodas de trás ajudam nas derrapagens.

Extremamente popular no Japão, essa modalidade ficou mundialmente conhecida após o filme Velozes e Furiosos Desafio em Tóquio. Depois disso, o drift ganhou fãs e praticantes em todo o mundo, inclusive no Brasil.

Comentários