#Fast ou #Fake: Sandero R.S. foi esportivo "raiz"

Com motor forte, câmbio manual e visual bacana, o hatch apimentado da Renault entregava um desempenho instigante

  1. Home
  2. Últimas notícias
  3. #Fast ou #Fake: Sandero R.S. foi esportivo "raiz"
Lucas Cardoso
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

Um esportivo "raiz" com motor grande, câmbio manual e preço aceitável. Esse pode ser um resumo perfeito da proposta da Renault na apresentação do Sandero R.S. ao mercado brasileiro, lá em 2015, quando o modelo começou a ser vendido por aqui.

A versão apimentada do hatch urbano era totalmente diferente das demais propostas "esportivadas" conhecidas por aqui. O Sandero R.S. tinha, de fato, uma esportividade na sua essência - então já adiantamos aqui que ele é, sem dúvida, um modelo #Fast.

  • Comprar carros
  • Comprar motos
Ver ofertas

Renault Sandero R.s 2020 F1
O modelo tinha visual apimentado com saias laterais, adesivos e para-choques esportivos
Crédito: Divulgação
toggle button

Para começar, a versão R.S., que significa Renault Sport — nome da quase extinta divisão esportiva da marca francesa —, usava o motor aspirado F4R 2.0 de quatro cilindros, que tinha comando duplo de válvulas no cabeçote e injeção multiponto. A escolha contrariava a prática de downsizing e do uso de turbo vista no mercado naquele período.

Mecânica entregava adrenalina

Bem diferente dos motores das versões convencionais, o propulsor dava ao Sandero R.S. 150 cv de potência a 5.750 rpm e 20,9 kgf.m de torque a 4.000 rpm. Aliada ao baixo peso do modelo (1.161 kg), a força proporcionava uma boa relação de 7,74 quilos por cavalo.

Renault Sandero R.s 2020 F2
A traseira tinha defletor e escape duplo com ponteiras cromadas
Crédito: Divulgação
toggle button

Todo esse rendimento era entregue às rodas dianteiras por uma transmissão manual de seis marchas. O conjunto permitia ao R.S. uma aceleração de zero a 100 km/h em 8 segundos e uma máxima de 202 km/h. Números muitíssimo interessantes e condizentes com a proposta esportiva do hatch da Renault, que ainda entregava um ronco bonito ao rodar.

O modelo ainda tinha freios a disco nas quatro rodas e suspensão preparada, mais rígida, para garantir uma dinâmica mais esportiva de condução.

O motor usado no Sandero R.S. rende 150 cv de potência e 20,9 kgf.m de torque
Crédito: Divulgação
toggle button

Visual inspirado

O visual também era diferente do visto nas demais versões e agregava para-choques mais esportivos, saias laterais, rodas exclusivas de até 17 polegadas, escape com ponteira dupla e aerofólio na traseira. Havia ainda grafismos alusivos à divisão Renault Sport, que dá nome a versão.

No interior, os bancos e e console central tinham revestimento com detalhes em vermelho, nas molduras das saídas de ar, no velocímetro do painel e também no volante. As pedaleiras da versão eram em metal.

O interior da versão tinha detalhes em vermelho no revestimento dos bancos, no painel e também no volante
Crédito: Divulgação
toggle button

Em 2018 e 2019, o modelo ainda teve uma versão especial, chamada de Racing Spirit, que adicionava elementos visuais. A versão tinha rodas pretas e grafismos contrastantes no para-choque e lateral. A capa dos retrovisores acompanhava o tom.

Lista cheia de pontos altos para um modelo com corpo e alma esportiva, mas que infelizmente sucumbiu ao baixo número de vendas e deixou de ser vendido por aqui em 2021. Ao todo, foram seis anos de jornada no mercado brasileiro.

Quanto custava?

Quando chegou, o modelo era vendido por R$ 58.880. Mas em sua última linha, ano 2022, já ultrapassava a barreira dos R$ 90 mil. Para quem busca uma alternativa mais disposta e gosta de sentir o carro, o Sandero R.S. ainda pode ser encontrado com preços interessantes.

A sigla R.S. da divisão esportiva Renault aparece logo abaixo do losango da marca francesa
Crédito: Divulgação
toggle button

No estoque da Webmotors, o modelo pode ser encontrado com preços entre R$ 50.000 e R$ 125.000. Já as versões Racing Spirit têm valores entre R$ 54.800 e R$ 85.000.

O Sandero R.S. seguiu a cartilha direitinho para ser um esportivo e, como antecipamos lá em cima, está no lado #Fast da briga.

Quer saber todos os detalhes do carro que você vai comprar? Consulte o Catálogo Webmotors!

 

Comentários