Fiat 500e chega ao Brasil por R$ 239.990

Marca do Grupo Stellantis abre pré-venda do compacto 100% elétrico e quer transformar modelo em carro de nicho

  1. Home
  2. Últimas notícias
  3. Fiat 500e chega ao Brasil por R$ 239.990
André Deliberato
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

A Fiat fez uma live nesta terça-feira (3) para celebrar a chegada do 500e ao mercado brasileiro. Com conjunto 100% elétrico, o compacto custa R$ 239.990 e desembarca importado da Itália em versão única de acabamento, a Icon, que representa a configuração topo de gama do modelo lá fora.

A pré-venda começa a partir de hoje por meio de um hotsite dedicado ao modelo e termina no dia 10/09. As primeiras entregas estão previstas para os dias seguintes após o final da fase de pré-venda, ou seja, para a segunda metade do mês que vem.

Fiat 500e: como ele é

Historicamente, a Fiat afirma que esta nova geração do 500 representa a terceira revolução da história do pequeno automóvel. A primeira, de 1957, promoveu a democratização dos carros, nos anos 1950. A segunda, de 2007, surgiu para alvoroçar o conceito de design daquela época. Esta, nas palavras da empresa, nasce para mostrar como será o futuro da mobilidade.

Em termos de design, Peter Fassbender, o alemão que chefia o departamento de design da Stellantis na América Latina, diz que o 500e é o resultado da união de elementos modernos, tecnológicos e necessários com o visual vintage do carrinho lançado na década de 1950. "Tanto por fora como por dentro, ele é a reinterpretação de um ícone. É totalmente novo, mas sem dúvida um 500", afirma.

Maior que o 500 que conhecíamos, que foi vendido no Brasil na década passada, primeiro importado da Polônia e depois do México - ele tem 3,63 m de comprimento (6,1 cm a mais), 1,68 m de largura (5,6 cm mais largo), 1,53 m de altura (2,9 cm mais alto) e 2,32 m de entre-eixos (2,2 cm mais espaçoso) - o 500e é equipado com um conjunto elétrico capaz de render 87 kW (118 cv) e 22,4 kgf.m de torque.

Fiat 500e
Fiat 500e é maior que o antigo 500 que era vendido no Brasil e tem muito mais recursos
Crédito: Reprodução
toggle button

Com esses números, o modelo pode acelerar de 0 a 100 km/h em 9 segundos. Ainda de acordo com a Fiat, o carro já virá de série com carregador próprio, bivolt, que pode se conectar a qualquer tomada 110V ou 220V, mas um aparelho de carregamento rápido para que a recarga seja feita por inteiro em 4h, conhecido como wallbox, será oferecido como opcional.

Feito sobre uma plataforma totalmente nova, chamada "Mini Bev", o carrinho promete autonomia de até 460 quilômetros em modos mais sustentáveis, mas declara oficialmente ser capaz de rodar 320 km em uso tradicional - na comparação com o consumo em combustível isso equivale, segundo a empresa, a um número próximo de 62 km/l. A entrada de recarregamento é a do tipo 2.

Tem mais: em estações de recarga ultrarrápidas, o Fiat 500e consegue ter 80% de sua carga de bateria abastecido em apenas 35 minutos. São três modos de condução: "Normal", "Range" e "Sherpa". No mais, suspensões dianteira e traseira também são totalmente inéditas, além de toda lista de equipamentos que, segundo a marca, é nivelado ao de um SUV de luxo do segmento premium.

Fiat 500e
Fiat 500e chega ao Brasil em setembro, após o fim da fase de pré-vendas, por R$ 239.990
Crédito: Reprodução
toggle button

Super equipado

Conectável a um app, que pode decidir e alterar várias funções do carro por meio de comandos lançados pelo celular, o carrinho vem completinho, em versão única de acabamento, chamada Icon.

O Fiat 500e vem de série com, entre os itens de segurança, seis airbags; monitoramento da pressão dos pneus; sensor de chuva; detector de fadiga; sistema de reconhecimento de placas; piloto automático adaptativo (ACC); assistente de permanência em faixa; comutação automática dos faróis; sistema de chamadas de emergência e assistente de estacionamento com câmera de 360º, entre outros.

Na parte de serviços conectados, o carrinho vem com comandos de ignição por app; localizador de estações de recarregamento com sistema de mapas inteligentes; alertas de auxílio à condução e wifi a bordo. Tudo é comandado por um sistema com tela colorida personalizável de sete polegadas, com GPS, comandos de voz e capacidade de espelhar Android e iOS sem necessidade de fio.

Fiat 500e tem novo formato de painel e vai estrear a central multimídia Uconnect 5
Crédito: Divulgação
toggle button

O carro tem também carregador de celular por indução; destravamento das portas por aproximação da chave; freio de estacionamento eletrônico por botão; abertura interna das portas por botão (E-Latch); sistema de pré-climatização, teto solar elétrico panorâmico e todos os itens obrigatórios em carros dessa faixa de preço, como ar-condicionado, direção elétrica e trio elétrico.

Por ser elétrico, o Fiat 500e também terá sistema sonoro de aviso aos pedestres, ciclistas e outros usuários da via, que funciona quando o carro está engatado em marcha à ré e velocidades inferiores a 35 km/h. Ah, e tem vários easter eggs espalhados pela carroceria e interior, que a Fiat preferiu não revelar em seu material de divulgação para deixar o marketing trabalhar em cima desse detalhe.

Fiat 500e conectado a estação de carregamento
Crédito: Divulgação
toggle button

Serão quatro opções de cores - um branco chamado "Bianco Ghiaccio", o cinza "Grigio Minerale", preto "Nero Onice" e um tom azulado conhecido como "Verde Oceano" - e, por ora, 10 lojas que são capazes de vendê-lo e atendê-lo. Ficam em Brasília (DF), Belo Horizonte (MG), Rio de Janeiro (RJ), Recife (PE), Campinas e duas em São Paulo (SP), Curitiba (PR), Florianópolis (SC) e Porto Alegre (RS).

Versão escolhida para nosso mercado foi a Icon, que é a topo da gama do Fiat 500e lá fora
Crédito: Divulgação
toggle button
Comentários