Mustang Bullit surge pela 1ª vez na cor preta

Além do tradicional verde, série especial do mítico esportivo será vendido no tom mais escuro

  1. Home
  2. Últimas notícias
  3. Mustang Bullit surge pela 1ª vez na cor preta
Redação WM1
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

A cor de um automóvel pode fazer grande diferença. Ainda mais em uma apresentação global. E a Ford acertou ao trazer o icônico verde Dark Highland na carroceria da versão moderna do Mustang Bullit, principal destaque do Salão de Detroit, ocorrido em janeiro último nos Estados Unidos. Porém, o Stang comemorativo aos 50 anos do filme homônimo também será comercializado por lá no tom preto Shadow. E, pela primeira vez, o carro foi flagrado pelas ruas. A pintura negra reforça o ar "bandido" do pony car e traz partes cromadas, como a moldura da grade e os frisos da janela. Já as rodas continuam escurecidas para exaltar o tom vermelho das pinças de freio.

Bullitt Black 002
Ford Bullitt Balck

O Mustang Bullit tem sob o capô o V8 5.0 retrabalhado para produzir 486 cv e 58 kgfm – 20 cv a mais que a versão "normal" GT. A especificação europeia terá "apenas" 441 cv. Umas das modificações para chegar a tal potência é o coletor de admissão, que é o mesmo do nervoso GT350. Outra diferença frente ao GT é a transmissão. Enquanto um é equipado com um câmbio automático de dez marchas, o Bullit é raiz com o manual de seis relações. Vale lembrar que a Ford recentemente lançou o Mustang no Brasil de forma oficial.

 Bullitt Black 005
Legenda: Bullitt Black 005

Nos EUA, o Bullit já está em pré-venda a partir de a partir de US$ 47.495 (cerca de R$ 157 mil na conversão direta). A título de comparação, o GT Premium parte de US$ 39.190 (R$ 130 mil). A primeira unidade produzida da série especial foi leiloada e arrematada por US$ 300 mil – mais de R$ 1 milhão. O montante foi doado a escola que Steve McQueen se formou em 1946.

VÍDEO RELACIONADO

 

 

Comentários