Ford Puma é apresentado visando apenas a Europa

Apesar de usar plataforma do EcoSport, Ford diz não ter planos de levar o novo SUV para outros mercados

  1. Home
  2. Notícias
  3. Ford Puma é apresentado visando apenas a Europa
Redação WM1
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

Após tentar emplacar o EcoSport no mercado europeu e não ver o mesmo sucesso obtido no Brasil, a Ford decidiu ampliar a oferta de SUVs compactos e apresentou um novo produto, o Ford Puma, nome que já foi usado pela marca em um cupê compacto.

Criado para ser posicionado acima do EcoSport, o Puma divide plataforma com o veterano. Apesar disso é maior que o irmão. São 4,19 metros de comprimento, 1,54 m de altura e 1,80 m de largura, perdendo apenas a altura para o Eco. Apesar de a Ford divulgar que o EcoSport tem 4,26 metros de comprimento, vale lembrar que o modelo se vale do estepe na traseira nessa medida, a configuração Titanium RunFlat (confira a avaliação), sem o penduricalho, tem apenas 4,09 m. O entre-eixos não foi divulgado. A suspensão traseira seguirá sendo de eixo de torção.

 Ford Puma tem 4,19 metros de comprimento (10cm a mais que o Eco sem estepe)
Legenda: Ford Puma tem 4,19 metros de comprimento (10cm a mais que o Eco sem estepe)

OFERTAS WEBMOTORS

O melhor reaproveitamento da plataforma garantiu um porta-malas muito maior. São 456 litros de capacidade, incluindo um espaço de 80 litros com um dreno, possivelmente para levar itens molhados, mas que facilmente viraria um cooler no Brasil.

 Ford Puma
Legenda: Ford Puma

CATÁLOGO 0KM WEBMOTORS

Em termos visuais, o Puma se assemelha muito mais com o novo Fiesta do que com o EcoSport. Apesar do visual mais bombado, a Ford diz que o Puma estreia uma nova linguagem de desenho. O capô é bem mais alto e arredondado, enquanto os faróis são ovalados. A traseira também é completamente diferente do que se vê nos outros veículos da marca. O interior é idêntico ao novo Fiesta.

O Puma chegará ao mercado em 2020 somente com motor EcoBoost 1.0L com duas opções de potência: 125 cv e 155 cv. Associado ao bloco, há um sistema de desativação de cilindro, ativado em velocidades de cruzeiro. O câmbio pode ser manual de 6 marchas ou automático de 7 marchas.

 Ford Puma será vendido em 2020 na Europa
Legenda: Ford Puma será vendido em 2020 na Europa

Segundo a Ford, a novidade também contará com um sistema híbrido-leve que traz uma bateria de 48 volts. Com um gerador instalado no lugar do alternador, o sistema é capaz de mover o carro a velocidades inferiores a 15 km/h sem utilizar o motor a combustão, além de entregar até 5 kgf.m de torque extra, fazendo o Puma ser capaz de rodar até 18,5 km/l.

Posicionado acima do EcoSport, o Puma também será muito melhor equipado. Há cruzeiro adaptativo com Stop & Go e reconhecimento de placas de trânsito, assistente de permanência em faixa, sensor de ponto cego com alerta de tráfego cruzado, câmera traseira com visão de 180°, alerta de perigo atualizado online, frenagem de emergência com detecção de pedestres e estacionamento autônomo, isso para ficarmos apenas nos itens de segurança.

 Ford Puma terá versão híbrida de 155 cv
Legenda: Ford Puma terá versão híbrida de 155 cv

Em termos de conveniência e estilo, o Puma pode contar com teto solar panorâmico, central multimídia Sync 3 com tela de 8 polegadas, sistema premium de som B&O com 10 alto-falantes e painel de instrumentos com tela de 12,3 polegadas totalmente digital e configurável. A produção será feita na Romênia, onde o EcoSport também é feito.

VÍDEO RELACIONADO

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors