Mercedes-Benz revela quarta geração do GLE

Chamado antigamente de Classe M, SUV está maior e ganhou sistema de motorização híbrida

  1. Home
  2. Notícias
  3. Mercedes-Benz revela quarta geração do GLE
Redação WM1
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

A Mercedes-Benz revelou oficialmente o GLE 2019, que chega a sua quarta geração (antes se chamava Classe M). O modelo recebeu melhorias para se tornar mais competitivo diante dos rivais como BMW X5 e Lexus RX. A apresentação ao público acontecerá durante o mês de outubro, no Salão do Automóvel de Paris, enquanto as vendas estão previstas para o próximo ano.

O visual da nova geração foi inspirado nas linhas do Classe A, tornando o visual mais limpo e otimizando a aerodinâmica (o coeficiente caiu de 0,32 para 0,29, o melhor da categoria segundo a marca). O interior também recebeu itens apresentados no Classe A e mais recentemente no EQC, primeiro carro 100% elétrico da marca alemã. O destaque é a presença das telas de 12,3 polegadas que comportam o quadro de instrumentos e o sistema de entretenimento. Batizado de MBUX, a tecnologia conta com inteligência artificial e obedece a diversos comandos de voz.

icon photo
Legenda: Novas linhas melhoram a aerodinâmica

Como é de se esperar, o SUV conta com diversas tecnologias de assistência ao motorista. Vale destaque ao assistente de mudança de faixa com frenagem de emergência quando há risco de colisão em ultrapassagens, bem como o assistente de congestionamento, que controla aceleração, frenagem e direção do veículo em deslocamentos abaixo dos 60 km/h.

A nova geração do GLE cresceu 8 centímetros no entre-eixos, oferecendo maior espaço para passageiros, essencialmente na terceira fileira (nas versões de 7 lugares). O porta-malas também está maior, com 825 litros na posição normal. Com os bancos rebatidos, a capacidade chega a 2.055 litros.

icon photo
Legenda: Destaque para as duas telas no interior

Neste primeiro momento, apenas a versão com motor turbo de 6 cilindros será apresentada. O motor rende 367 cv e 51 kgf.m de torque. O propulsor funciona em conjunto com um sistema de híbrido-leve de 48 volts que pode gerar ate 25 cv e 25,5 kgf.m de força. O câmbio é automático de 9 marchas. Haverá versões diesel e híbrida plug-in, ou seja, que pode ser carregada na tomada.

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors