Novo Audi A1 rende até 200 cv com motor 1.4 turbo

'Irmão rico' do VW Polo, hatch compacto premium fica maior e traz visual esportivo em sua segunda geração

  1. Home
  2. Notícias
  3. Novo Audi A1 rende até 200 cv com motor 1.4 turbo
Redação WM1
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

A Audi revelou esta semana a segunda geração do hatch compacto A1, lançado originalmente em 2010 e que ficou maior, mais eficiente e tecnológico, sem contar o visual, que ficou mais agressivo. As vendas na Europa devem começar por volta do fim do ano e há chances de o modelo aparecer em novembro no Salão do Automóvel de São Paulo (SP). Protótipos do carro já haviam sido flagrados em testes.

icon photo
Legenda: Audi A1 2019 tem carroceria baixa, com apenas 1,40 m de altura
Crédito: Divulgação

Vamos começar com que os olhos veem: medindo 4,03 m de comprimento, 1,74 m de largura, 1,40 m de altura e cerca de 2,56 m de entre-eixos, o A1 ficou mais espaçoso, crescendo 5,6 cm no comprimento e 9 cm na distância entre os eixos. O porta-malas, por sua vez, teva a capacidade ampliada em 65 litros, totalizando 335 litros.

icon photo
Legenda: Segunda geração do Audi A1 foi revelada apenas com carroceria Sportback, de quatro portas
Crédito: Divulgação

As dimensões são semelhantes às do novo Volkswagen Polo, não por acaso. Os dois carros são na essência o mesmo veículo, compartilhando a base estrutural MQB A0 e vários componentes. A diferença é que o Audi é voltado ao mercado premium, enquanto o Volkswagen mira nas massas - lançado aqui em novembro, o Polo hoje é o quarto veículo mais vendido do Brasil, com 29.165 unidades emplacadas de janeiro a maio, enquanto o A1 não aparece nem na lista dos 50 mais comercializados.

icon photo
Legenda: Na segunda geração, Audi A1 cresceu 5,6 cm no comprimento, totalizando 4,03 m
Crédito: Divulgação

Quanto ao design, o A1 ficou mais agressivo, com destaque para a frente baixa e invocada, que exibe três pequenas fendas integradas à grade junto ao capô, além das principais, na parte inferior do para-choque. Essas fendas, diz a Audi, são uma referência ao quattro, o modelo de tração integral com o qual a marca disputou o Mundial de Rali nos anos 80.

As lanternas traseiras mantiveram o formato horizontal, mas agora têm formato de seta nas extremidades, que avançam sobre os para-lamas traseiros. Tudo, é claro, iluminado por LEDs. A coluna C, em torno da tampa do porta-malas, ficou bem mais larga, contrastando com a pintura do teto, na cor preta - nas fotos que você confere aqui, há unidades com pintura amarela e grafite. Até agora, a Audi só mostrou a novidade com carroceria Sportback, de quatro portas.

icon photo
Legenda: Lanternas traseiras do Audi A1 2019 trazem recorte nas extremidades. Porta-malas cresceu 65 litros
Crédito: Divulgação

De acordo com a fabricante, o desenho da nova geração é inspirado nos conceitos Ur-quattro e Sport quattro, principalmente no que se refere ao perfil lateral e à coluna traseira "diferentona".

Por dentro, mais novidades: agora, o compacto pode ser equipado com painel de instrumentos 100% digital, parecido com o do Polo e de modelos recentes da própria Audi, e exibe nova central multimídia, com tela tátil de 8,8 polegadas ou 10,1 polegadas.

icon photo
Legenda: Audi A1 de segunda geração apareceu por enquanto apenas com carroceria de quatro portas
Crédito: Divulgação

No quesito segurança, o novo A1 pode vir equipado com sistemas sofisticados de assistência à condução e segurança, tais como alerta de saída involuntária da faixa, alerta pré-colisão com frenagem automática de emergência e controle de velocidade de cruzeiro adaptativo, que acelera e freia o carro por conta própria, mantendo distância segura do veículo logo à frente.

icon photo
Legenda: Cabine do Audi A1 2019 ficou mais espaçosa, mas largura é praticamente a mesma
Crédito: Divulgação

Quanto ao trem de força, o hatch traz na versão de entrada o motor 1.0 de três cilindros turbo com injeção direta usado em VW Polo, Virtus, Golf e Up, ajustado para render 96 cv de potência e gerenciado por transmissão manual de seis marchas ou automatizada de dupla embreagem e sete velocidades.

icon photo
Legenda: Além do painel digital, Audi A1 2019 traz central multimídia maior e mais moderna
Crédito: Divulgação

A versão de topo, por outro lado, traz propulsor 1.4 turbo, também dotado de injeção direta, para entregar potências de até 200 cv - esse motor é utilizado no Brasil em modelos da Audi e da Volks, com tecnologia flex e rendendo 150 cv. Na versão de topo, a caixa de marchas é sempre automatizada com duas embreagens.

Ainda não há informação oficial sobre o lançamento da novidade no Brasil.

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors