O brinquedo mais caro do mundo

Bugatti Baby II foi feito para crianças e pode custar mais de R$ 130.000

  1. Home
  2. Notícias
  3. O brinquedo mais caro do mundo
Redação WM1
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

A Bugatti ainda não terminou a festa dos seus 110 anos e agora apresenta uma versão especial do Type 35 e o apresenta como o menor membro da família, trazendo o "brinquedinho" de Ettore Bugatti, visto pela primeira vez em 1926, de volta à garagem dos fãs da marca.

Bugatti e o filho Jean construíram, à época, um carro igual ao Type 35, mas em escala reduzida, para o irmão Roland, que completava 4 anos. Era para ser a única unidade, mas o interesse de consumidores foi tão grande que o pai teve de iniciar uma produção limitada a 500 unidades. Todas foram vendidas de 1927 a 1936. Não se sabe quantas unidades ainda estão rodando pelo mundo, mas agora os clientes podem adquirir a releitura feita pela marca.

icon photo
Legenda: Baby Bugatti II
Crédito: Divulgação

O novo Baby II é movido com motor elétrico abastecido por uma bateria, com tração dianteira igual ao modelo de 1926. Mas está achando que é só isso? O modelinho ainda conta com diferencial de deslizamento limitado, freios regenerativos e bateria de íon-lítio.

O carrinho ainda vem com três modos de condução. O "Child Mode", para crianças, entrega apenas 1,3 cv e tem velocidade limitada a 20 km/h. Por ser 3/4 do tamanho de um Type 35 original, o Baby II também pode carregar adultos e aí basta colocar no modo "Adult Mode", o qual entrega 5,4 cv e alcança 45 km/h. Mas para os que amam velocidade, há ainda um opcional, "Speed Key", que pode ser comprado à parte. Nessa configuração não há limite de velocidade máxima e o Baby II entrega 13,4 cv de potência.

A produção também será limitada a 500 unidades e cada uma sai por 30.000 euros (R$ 129.900 sem impostos) e a Bugatti já está aceitando encomendas. Brinquedinho caro, hein.

VÍDEO RELACIONADO

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors