Rolls revela o Cullinan, confirmado para o Brasil

Primeiro SUV da marca britânica de alto luxo terá preço inicial de US$ 325 mil e motor V12 biturbo de 570 cv

  1. Home
  2. Notícias
  3. Rolls revela o Cullinan, confirmado para o Brasil
Redação WM1
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

Acabou o mistério: depois de divulgar alguns teasers e vídeos do seu primeiro SUV ainda camuflado, finalmente a Rolls-Royce apresentou o Cullinan, utilitário esportivo de alto luxo que compartilha plataforma e base mecânica com o sedã Phantom. O modelo tem vinda ao Brasil confirmada pelo Grupo Via Italia, importador oficial, em data ainda a ser anunciada. Nos Estados Unidos, as vendas começam em breve com preço inicial de US$ 325 mil (cerca de R$ 1,15 milhão na conversão direta).

icon photo
Legenda: Rolls-Royce Cullinan
Crédito: Divulgação

Vamos começar pela carroceria de linhas retas e limpas, com a tradicional grade cromada na dianteira e a estatueta "Spirit of Ecstasy" na ponta do capô. A traseira mais saliente sugere, como a marca descreve, um "terceiro volume", separando claramente o compartimento de bagagens da cabine. Por sinal, é o primeiro Rolls da história com abertura do porta-malas do tipo hatch.

 Rolls-Royce Cullinan
Legenda: Rolls-Royce Cullinan
Crédito: Divulgação

Por falar no porta-malas, ele tem, obviamente, abertura elétrica e capacidade para transportar 560 litros com os dois assentos traseiros na posição normal. Com eles rebatidos, a capacidade sobe para 1.930 litros, outra característica inédita em um modelo da marca britânica.

icon photo
Legenda: Rolls-Royce Cullinan
Crédito: Divulgação

Quanto aos bancos traseiros, eles serão oferecidos em duas configurações distintas. Na primeira, o assento é inteiriço e há espaço para até três ocupantes - ele pode ser rebatido eletricamente em diferentes configurações. Para aqueles em busca de ainda mais conforto, a Rolls disponibiliza duas poltronas individuais, totalmente ajustáveis eletricamente, na parte de trás. Nessa configuração, as poltronas são separadas por um grande console central, que incorpora uma geladeira e tem espaço para taças de champanhe e copos de uísque. As portas traseiras, como no Phantom, são do tipo "suicida", abertas no sentido oposto ao das dianteiras, para facilitar o acesso dos passageiros.

 Rolls-Royce Cullinan
Legenda: Rolls-Royce Cullinan
Crédito: Divulgação

O motorista, que provavelmente será um chofer contratado, tem à disposição banco aquecido e ventilado, ajustes elétricos com memória, painel de instrumentos totalmente digital e, pela primeira vez na história da companhia, a central multimídia tem tela sensível ao toque - também pode ser controlada por um botão no console central dianteiro.

icon photo
Legenda: Rolls-Royce Cullinan
Crédito: Divulgação

Classificado pela Rolls-Royce como "o carro da sua categoria mais avançado tecnologicamente do mundo", o Cullinan traz de série sistema de visão noturna, quatro câmeras externas para visão "360 graus", acesso wi-fi à internet e alertas de colisão e de tráfego cruzado, bem como assistente de manutenção de faixa. A cabine conta ao todo com cinco portas USB para carregar e conectar dispositivos móveis, enquanto na dianteira há um ponto para recarga sem fio de celulares.

icon photo
Legenda: Rolls-Royce Cullinan
Crédito: Divulgação

De acordo com a Rollls, o Cullinan é o segundo modelo da companhia construído sobre a "Arquitetura Luxuosa", base estrutural inaugurada pelo novo Phantom feita principalmente de alumínio, priorizando o conforto de rodagem, mesmo longe do asfalto. Para atingir o objetivo, o SUV conta com suspensão a ar automaticamente ajustável de acordo com as condições do terreno. O sistema, disponível em outros carros da marca, foi reprojetado para o Cullinan, com tubulações de ar maiores para dar a impressão que o SUV está flutuando, mesmo em uma estrada esburacada. Tudo isso com enormes rodas de 22 polegadas.

icon photo
Legenda: Rolls-Royce Cullinan
Crédito: Divulgação

Evidentemente, o lançamento da Rolls-Royce tem tração integral e o volante também esterça levemente as rodas traseiras, para facilitar manobras e facilitar o contorno de curvas. A parte mecânica não traz novidades em relação ao Phantom: embaixo do capô está o conhecido 6.75 V12 biturbo, ajustado para entregar 86,7 kgf.m de torque a apenas 1.600 rpm, com potência máxima de 570 cv.

Pesando consideráveis 2.660 kg, o Cullinan tem velocidade máxima limitada a 250 km/h, enquanto a fabricante não divulga a aceleração de zero a 100 km/h. Afinal, quem compra um automóvel desses não tem pressa, quer aproveitar a paisagem do banco de trás.

 Rolls-Royce Cullinan
Legenda: Rolls-Royce Cullinan
Crédito: Divulgação
Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors