VW mexe em toda linha e Amarok rompe os R$ 200 mil

Picape Amarok perde versão de entrada com cabine dupla, ganha configuração Comfortline e preço aumenta

  1. Home
  2. Notícias
  3. VW mexe em toda linha e Amarok rompe os R$ 200 mil
Redação WM1
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

Sem fazer alarde, a Volkswagen promove mudanças na gama da Amarok. A começar pela versão topo de linha V6 Extreme, que estreou em julho por R$ 197.930 e agora ultrapassa a barreira dos R$ 200 mil. O reajuste leva a picape a R$ 201.990. Os R$ 4 mil a mais também são adicionados na configuração V6 Highline – R$ 191.990.

As diferenças entre ambas são basicamente visuais. A Amarok Extreme traz santantônio esportivo na cor da carroceria, estribos laterais planos de alumínio e rodas de 20” – em vez de 18”. Os itens de série permanecem os mesmos, como faróis bixenônio com luzes diurnas de LED, bancos dianteiros elétricos, ar-condicionado de duas zonas, quatro airbags, controles de tração e estabilidade, assistente de partida em rampas, volante multifuncional e central multimídia. O motor V6 turbodiesel produz 225 cv entre 3.000 e 4.500 rpm. O torque, por sua vez, é de 56,1 kgf.m disponíveis entre a faixa de 1.500 e 2.500 giros. A tração 4x4 e a transmissão automática de oito marchas completam o powertrain.

icon photo
Legenda: Versão Extreme sofre aumento e agora custa R$ 201.990
Crédito: nova_amarok_9.jpg

Na base da linha, a versão S passa a ser oferecida apenas com cabine simples – a S Cabine Dupla deixa de existir. Ela também é a única a trazer o motor 2.0 turbodiesel com 140 cv, 34,7 kgf.m de torque e transmissão manual de seis marchas. O preço de R$ 117.990 sobe R$ 5 mil e a Amarok começa em R$ 122.990. A oferta de cabine dupla aparece na versão seguinte, SE, de R$ 148.610 e já com motor 2.0 biturbodiesel de 180 cv e 42,8 kgf.m.

Na parte intermediária da linha, a então Trendline passa a se chamar Comfortline. A mudança de nome é acompanhada pelo acréscimo na etiqueta de preço, que vai de R$ 158.690 a R$ 168.600 – diferença de R$ 9.910. Ar-condicionado de duas zonas, protetor de caçamba, volante com ajuste de altura e profundidade e bancos parcialmente em couro estão entre os equipamentos de série. Já a opção mais cara com o motor quatro cilindros 2.0 biturbodiesel de 180 cv e câmbio automático de oito marchas é a Highline, de R$ 183.990.

VÍDEO RELACIONADO

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors