Coronavírus: março tem queda brusca nas vendas

WM1 traz lista dos automóveis mais vendidos de março que dominaram suas categorias segundo relatório mensal da Fenabrave

  1. Home
  2. Pit-Stop
  3. Coronavírus: março tem queda brusca nas vendas
André Deliberato
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

Todo início de mês a Fenabrave, associação que representa as concessionárias de todo o Brasil, divulga um relatório com os números de vendas do mês anterior. Notícia ruim, como era de se esperar e imaginar: as vendas caíram bruscamente.

Foram 155.771 carros e comerciais leves vendidos no mês passado, 19,1% abaixo de fevereiro (que emplacou 192.639 unidades). E 21,9% inferior a março de 2019, quando 199.549 foram licenciados.

Embora a quarentena tenha se iniciado somente na segunda quinzena do mês, o declínio foi brutal a ponto de ser o pior mês de março dos últimos 14 anos. A grosso modo, voltamos ao mesmo patamar de mercado de 2006, quando 148 mil unidades foram vendidas.

Abaixo, seguimos com nosso tradicional: apontamos quem foi o líder das cinco principais categorias do mercado nacional de carros, hatches, sedãs, SUVs, picapes e esportivos.

Hatch: Chevrolet Onix

Nem mesmo a grave pandemia mundial do novo coronavírus pôde mudar a posição do líder geral de todo o mercado de carros no Brasil, o Chevrolet Onix. Ele segue sendo o carro mais vendido do país e, obviamente, o hatch mais vendido em sua categoria. Em março foram 12.007 unidades emplacadas.

O segundo colocado no mês foi o Ford Ka, com 7.103 licenciamentos. Já a terceira posição ficou com o Hyundai HB20, que teve 7.042 registros. Vale lembrar que a primeira quinzena foi excelente e crucial para que os números não fossem tão ruins.

Chevrolet Onix
icon photo
Legenda: Chevrolet Onix manteve o posto que é praticamente intocável: o de carro mais vendido do Brasil
Crédito: Bufalos/WM1

Sedã: Chevrolet Onix Plus

O Onix Plus manteve o posto de sedã mais vendido do Brasil desde que assumiu a liderança da categoria em novembro do ano passado. Em março foram 6.670 licenciamentos - embora seja importante registrar que a Fenabrave contabiliza a nova geração e também o antigo Prisma, agora chamado de Joy Plus.

Na lista de carros com três-volumes, o segundo colocado foi o Toyota Corolla, que vendeu 3.643 unidades, e o terceiro foi o Ford Ka Sedan, com 3.627 emplacamentos no mês passado.

Chevrolet Onix Plus Premier 2020
icon photo
Legenda: Onix Plus foi uma das importantes novidades da GM em 2019 e mantém a liderança entre sedãs
Crédito: Ricardo Rollo/WM1

SUV: Jeep Renegade

No segmento mais disputado do Brasil (quiçá do mundo), que vira e mexe troca de líder, quem terminou março na frente foi o Jeep Renegade, medalha de prata em fevereiro, que registrou 4.492 vendas no mês passado.

Na segunda colocação ficou o Volkswagen T-Cross, o líder de dois meses atrás, que terminou março com 4.417 registros - menos de 80 carros atrás do primeiro colocado.

Já o terceiro colocado foi o Nissan Kicks, com 3.597 emplacamentos, seguido de perto pelo Hyundai Creta, que teve 3.484 licenciamentos.

Jeep Renegade
icon photo
Legenda: SUV mais vendido do Brasil em 2019, Jeep Renegade retomou a ponta em março de 2020
Crédito: Divulgação

Picape: Fiat Strada

A Strada, mais uma vez, foi o comercial leve e picape mais vendido do Brasil, mesmo às vésperas de mudar de geração. Foram 4.799 unidades emplacadas.

Nada diferente no restante da lista: Toro em segundo (3.598 unidades), fazendo a dobradinha da FCA; e Toyota Hilux em terceiro, com 2.971 licenciamentos. A Volkswagen Saveiro foi a quarta, com 2.667 vendas registradas pela Fenabrave.

Fiat Strada Freedom na cor branca de frente
icon photo
Legenda: Fiat Strada continua como o comercial leve mais emplacado do país
Crédito: Divulgação

Esportivo: Porsche 911

Quem começou muito bem o ano e segue na liderança de seu segmento é o Porsche 911, que teve 91 unidades vendidas no mês passado. O segundo colocado foi o Ford Mustang, com 43 emplacamentos. O terceiro colocado foi o Porsche Boxster, com 35 registros.

No acumulado do ano, o 911 lidera com 267 unidades, seguido por Mustang (125) e Boxster (113). Sensação do ano passado, o BMW Z4 segue na quarta colocação: vendeu 13 unidades em março (4ª colocação no mês) e também ocupa a quarta posição no ranking anual (60 unidades).

É importante destacar que nessa categoria leva-se em conta somente modelos "nascidos" esportivos. Não se consideram, por exemplo, versões esportivas de carros que já existem, como BMW M3, Renault Sandero RS ou Audi RS6, entre outros.

icon photo
Legenda: Porsche 911 é o esportivo mais vendido do Brasil em 2020
Crédito: Divulgação

Comentários