Denatran suspende placa padrão Mercosul no Brasil

Órgão de trânsito ainda vai anunciar nova data para mudança. Medida atende pedido de fabricantes da placa veicular
  1. Home
  2. Pit-Stop
  3. Denatran suspende placa padrão Mercosul no Brasil
Redação WM1
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

Após publicar em 8 de março a Resolução 729/2018, regulamentando a implantação da placa veicular padrão Mercosul no prazo de 180 dias, o Denatran (Departamento Nacional de Trânsito) decidiu suspender nesta quinta-feira (22) a decisão pelo prazo de 60 dias.

De acordo com o órgão de trânsito, a medida tem o objetivo de atender reivindicações das empresas responsáveis pela confecção das placas, embora não informe quais são. Maurício Alves, diretor do Denatran, afirmou que o adiamento da implantação da placa pretende "preservar o emprego e o trabalho" do segmento. O padrão Mercosul já tinha sido adiado duas vezes no país.

Juntamente com a suspensão, foi criado um grupo de trabalho para analisar a segurança jurídica da resolução que estabelece as regras do novo emplacamento e essa análise pode estender a prorrogação por mais dois meses. O novo padrão tem sido alvo de questionamentos na Justiça.

De acordo com as regras que acabam de ser suspensas, a nova placa tem fundo branco e margem superior azul com o nome do Brasil centralizado e a bandeira do país no lado direito. Esse mesmo lado, segundo a regra, também exibe a bandeira do estado, o brasão do município e o nome da cidade. Em vez da atual combinação de três letras e quatro números, a nova placa terá sete caracteres, combinando letras e números de forma aleatória, com o último deles sempre sendo um numeral.

A placa deve contar, ainda, com um QR Code no lado esquerdo e um chip embutido para compartilhamento de informações do veículo entre diferentes órgãos de trânsito. A cor da borda da placa e dos caracteres deve variar de acordo com a categoria do veículo - preta para carros particulares, vermelha para comerciais, azul para veículos oficiais, dourada para diplomáticos/consulares, verde para especiais e cinza para carros de coleção.

Originalmente, a adoção do novo padrão deveria começar em setembro de 2018 e ser completada, substituindo todas as placas atuais, até 2023. Hoje, Argentina e Uruguai já utilizam a placa Mercosul.

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors