Ford faz recall do Fusion 2015 por falha no cinto

Sedã tem defeito nos cintos dianteiros, que podem se romper e perder a resistência necessária para proteger os ocupantes

  1. Home
  2. Pit-Stop
  3. Ford faz recall do Fusion 2015 por falha no cinto
André Deliberato
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

A Ford anunciou nesta sexta-feira (23) que vai convocar proprietários do Fusion 2015 para verificar a necessidade de reparo nos cintos de segurança dianteiros, que podem apresentar falha no mecanismo de pré-tensionamento.

Segundo a marca, após uma colisão o cabo pode se partir (por ficar exposto a altas temperaturas geradas pelo acionamento do pré-tensionador) e diminuir a resistência do componente na proteção para os ocupantes. Para corrigir o problema, a Ford disse que vai aplicar um revestimento isolante no cabo - para justamente protegê-lo das altas temperaturas.

Os Fusion envolvidos no recall foram fabricados entre 1º de agosto e 20 de novembro de 2014, mas são sempre modelo 2015. De acordo com a Ford, os oito últimos dígitos de chassis estão no intervalo de FR100443 a FR199580.

O serviço é gratuito, como todo recall, já pode ser agendado e tem duração de aproximadamente 40 minutos. Para consultas de chassi e mais informações, a Ford disponibiliza o telefone 0800-703-3673 e seu site oficial.

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors