GMC perdeu nos EUA U$ 15,5 bi em julho

Jaime Ardillas, presidente da filial brasileira, acha que a empresa sai fácil da crise
  1. Home
  2. Pit-Stop
  3. GMC perdeu nos EUA U$ 15,5 bi em julho
Auto Informe
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

– A General Motors Corporation anunciou prejuízo de U$ 15,5 bilhões no segundo trimestre do ano. No ano passado, neste mesmo período, a empresa teve lucro de U$ 891 milhões.

A América Latina, África e o Oriente Médio foram as regiões que registraram o melhor desempenho da empresa, com lucro de U$ 445 milhões no período. Nos Estados Unidos a GM teve queda de 26,1% nas vendas em julho, com apenas 233.340 unidades vendidas. No segmento de comerciais leves as vendas da marca caíram 36,4%. No de carros, 12%.

Para o presidente da General Motors do Brasil, Jaime Ardila, no entanto, a idéia de falência da GMC, que chegou a ser comentada na imprensa internacional, é simplesmente “absurda”.

“A GM tem 60% das vendas fora dos Estados Unidos, a maior parte em mercados que estão crescendo, disse Ardila. É líder na China, que tem o terceiro maior mercado do mundo. Tem boa presença em todos os países do BRIC, Rússia, Índia, Brasil e em toda a América Latina”.

O problema, segundo Ardila, é que a GM, por ser a maior empresa dos Estados Unidos, acaba sofrendo mais com os problemas da recessão.

“A GM é a maior, tem a maior queda”, disse o dirigente da filial brasileira. Lembrou que a empresa está trocando as picapes por carros pequenos, mais econômicos e com isso vai se recuperar. “Estamos mudando o mix de produtos e uma mudança dessas é sempre traumática”.

Jaime Ardila disse à reportagem da Agência AutoInforme que a matriz tem U$ 24 bilhões em caixa para desenvolvimento de produtos e que o fluxo de caixa é bom fora dos Estados Unidos. E profetizou: “a longo prazo, temos a melhor solução de todas as montadoras”.

A queda de vendas foi geral nos Estados Unidos em julho: as vendas caíram 13,6% e somente a Nissan apresentou crescimento + 8,5%. No acumulado do ano foram comercializados 8,5 milhões de unidades de carros e comerciais leves, uma queda de 10,5% em relação ao mesmo período de 2007.

A Chrysler perdeu ainda mais do que a GM: vendeu 28,8% menos no mês passado. A Honda caiu 1,6%, a Toyota 11.9% e a Ford 14,7%.

________________________________
Joel Leite joelleite@autoinforme.com.br é diretor da agência de notícias especializada no setor automotivo AutoInforme. Produz e apresenta o quadro sobre automóveis no programa Shop Tour e fornece informações para vários veículos de comunicação. É especialista no mercado de automóveis desde 1984, quando começou no Jornal do Carro do Jornal da Tarde. Joel é formado em jornalismo pela Faculdade Cásper Líbero e pós-graduado em Comunicação e Semiótica.


Leia outras colunas de Joel Leite aqui

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors