Marcas de luxo em alta

Land Rover, Volvo, Audi e BMW crescem mais de 50%
  1. Home
  2. Pit-Stop
  3. Marcas de luxo em alta
Auto Informe
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

A maioria das marcas de luxo começou 2012 em alta, com destaque para a Land Rover, que vendeu 193% a mais do que em janeiro do ano passado.

Graças, principalmente, à boa aceitação do Range Rover Evoque, a Land Rover vendeu no mês passado 939 unidades, o que representou um crescimento de exatamente 193,43%: em janeiro do ano passado foram vendidos apenas 320 carros.

Hoje, para comprar o Evoque é preciso entrar na lista de espera. A opção de “entrada”, mais barata, Pure, custa R$ 178 mil e a topo de linha, Dynamic, R$ 258 mil.

Das marcas de luxo, apenas a Mercedes-Benz e a Porsche não aumentaram as vendas em janeiro veja tabela

A Volvo também teve um crescimento expressivo, 67,92%, com vendas de 267carros, assim como a Audi e a BMW, que cresceram acima de 50%.

A Audi vendeu 368 unidades, contra 244 em janeiro de 2011, um aumento de 50,81% e a BMW passou de 516 carros no primeiro mês do ano passado para 775 neste ano.

O comportamento do mercado de luxo mostra que o segmento não foi afetado pelo aumento de 30 pontos percentuais do IPI para carros importados, que começou a vigoram em 15 de dezembro passado.

Apesar disso a Porsche credita parte da queda de vendas ao aumento do imposto, uma vez que os preços dos seus carros sofreram reajustes. Mas o maior problema da empresa foi a falta de produto. Três, dos cinco modelos à venda no Brasil – 911, Boxter e Caimã – deixaram de ser importados no aguardo dos modelos novos. O resultado foi uma queda de vendas de 65% em janeiro. A empresa inclusive não fez uma previsão de vendas para este ano, o que vai acontecer somente em março, com o reinício das vendas do 911. Os novos modelos do Boxer e do Caimã chegam somente no segundo semestre.

A Mercedes teve uma queda menor, 14%, vendeu 130 unidades a menos que em janeiro do ano passado 929 contra 799. Segundo a Mercedes-Benz, houve uma antecipação de compra, incentivada pela própria empresa, para aproveitar o preço sem o IPI extra. Esta foi a razão da queda de vendas em janeiro. Para fevereiro a expectativa é de novas baixas, com a empresa devendo retomar o volume a partir de março, com a chegada da linha 2012.


As opiniões do colunista não refletem, necessariamente, a opinião do site WebMotors

____________________________
Joel Leite joelleite@autoinforme.com.br é diretor da Agência AutoInforme, especializada no setor automobilístico, que fornece informações para vários veículos de comunicação. Produz e apresenta o Boletim AutoInforme, das rádios Bandeirantes, Band News e Sul América Trânsito. É formado em jornalismo pela Faculdade Cásper Líbero e pós-graduado em Semiótica e Meio Ambiente.

Leia outras colunas de Joel Leite aqui

____________________
Siga o Joel Leite no Twitter

Comentários

Ofertas Relacionadas

logo Webmotors