O que NÃO fazer com uma Ferrari F430

Sabemos que grana não compra bom gosto, mas esse caso coloca essa frase no limite, transformando até Ferrari em pesadelo

  1. Home
  2. Pit-Stop
  3. O que NÃO fazer com uma Ferrari F430
André Deliberato
Compartilhar
    • whats icon
    • bookmark icon

A Ferrari é considerada uma das marcas mais exclusivas de todo o mundo, com modelos quase sempre inatingíveis. E todos eles, de fato, parecem reservados para pessoas de muito bom gosto.

Mas sempre tem exceção.

Ferrari F430 de frente
icon photo
Legenda: Ferrari F430 tunada: o que você achou do resultado final?
Crédito: Reprodução

Nos últimos dias repercutiram na internet - e foram publicadas no site dos nossos parceiros mexicanos do portal Autologia - algumas fotos de uma F430 Spider na Califórnia, nos Estados Unidos, toda "tunada". Só que o trabalho de personalização literalmente faz nossos olhos doerem.

Nos EUA, acredite, é comum entre os jovens (embora não justificável) usar emblemas da Ferrari em carros de todas as marcas. Mas parece que essa F430 pertence ao mundo invertido.

Ferrari F430 adornos
icon photo
Legenda: Ferrari F430 cheia de adornos cromados, falsas entradas de as e especificação 'Sport Edition'...
Crédito: Reprodução

Que troço é esse?

O superesportivo conversível está cheio de molduras, emblemas chamados "Sport Edition", falsas entradas de ar e filetes de acabamento cromado por toda a carroceria. Além de vários emblemas do "cavalinho" da Scuderia e moldes de fibra de carbono falsos nos arcos das rodas.

O que nos resta é torcer para que este seja um caso de aposta perdida ou de uma piada pesada de muito mau gosto de alguns amigos. Porque, caso contrário, nossa fé na humanidade simplesmente acabou de desaparecer!

icon photo
Legenda: Ferrari F430 'Sport Edition': versão 'especial' foi encontrada no estado norte-americano da Califórnia
Crédito: Reprodução

 

Comentários